logo
Foco
Foco 23/04/2015

Exército começa combate à dengue nesta quinta-feira em SP

Willian Kury/ Rádio Bandeirantes

Grupo irá ajudar agentes a identificar os focos de criação do mosquito | Willian Kury/ Rádio Bandeirantes

O Exército brasileiro começou, na manhã desta quinta-feira, a atuar em São Paulo na ajuda ao combate à dengue.

Os 50 cabos e soldados deslocados para auxiliar a Prefeitura iniciaram os trabalhos às 8h30 no bairro do Limão, na zona norte.

A missão do grupo é, ao lado dos agentes de zoonoses, identificar os focos de criação do mosquito transmissor, eliminá-los e orientar a população.

Além de reforçar a prevenção à doença, o objetivo da presença dos militares é também o de vencer a resistência de quem não abre a porta para o Poder Público.

A médica do Centro de Vigilância em Saúde Brunislava de Castro afirma que este comportamento ocorre com maior frequência em bairros de renda mais alta.

Isto porque muitos moradores têm receio de serem alvos de crimes cometidos por supostos falsos agentes da Prefeitura e as consequências são negativas.

Nesta quarta-feira, os soldados e cabos assistiram a palestras com orientações sobre a prevenção contra a dengue e a forma de atuação.

O coronel Ricardo Carmona ressalta que os militares também vão agir em áreas mais violentas e só entrarão nas casas com o consentimento dos moradores.

O Exército também já disponibilizou dez médicos para auxiliar no atendimento aos pacientes com suspeita de dengue em postos de saúde da capital paulista.