logo
Foco
Foco 23/04/2015

Divulgação do balanço da Petrobras é o 1º passo para retomar normalidade

A divulgação dos resultados da Petrobras é apenas o primeiro passo dado pela direção da empresa na tentativa de retomar a normalidade das operações.

Para o economista Roberto Luis Troster, os números ficaram muito aquém do que se esperava no início do ano passado.

Segundo ele, o mercado financeiro deverá agora analisar as perspectivas futuras da companhia para definir investimentos na estatal.

Leia mais:
Petrobras registra prejuízo de R$ 21,6 bilhões em 2014; R$ 6,2 bilhões foram resultado de corrupção

“Qual será a velocidade de reação da empresa a este novo quadro, menos capitalizada, com o preço do petróleo mais baixo, além de uma nova diretoria. Isso não tem outra solução a não ser esperar para ver”, explicou Troster.

O economista do Insper e especialista em mercado de ações, Ricardo Almeida, afirma que ainda não é possível prever qual será a reação dos investidores.

Ele destaca que os profissionais da área irão esperar para analisar a metodologia usada na elaboração do balanço da Petrobras.

Ricardo Almeida acrescenta que as informações do laudo emitido pela Petrobras serão consideradas pelo mercado. “Como esse laudo não deve ser publicado tão cedo, provavelmente o preço da ação não deve apresentar grandes variações.”

Mas muitos acionistas estrangeiros ainda deverão contratar auditorias independentes para avaliar os números apresentados pela estatal.