logo
Foco
Foco 10/04/2015

Visitas às obras de restauração da Vila Itororó começam nesta sexta

As obras de restauração da Vila Itororó, no Bexiga, começam nesta sexta-feira com um  evento que inclui visita ao local e explicações sobre a história da vila.

Ao longo das obras, o canteiro ficará aberto e terá um centro cultural temporário, no qual serão organizadas exposições e palestras sobre a vila, marcenaria, serralheria, um arquivo documental –em fase de elaboração. além de discussões sobre qual será seu uso após o fim das obras.

O projeto de restauração e renovação é financiado com recursos da Lei Rouanet. A primeira fase, que prevê a instalação do canteiro de obras e a recuperação de quatro edificações, terá um custo total de R$ 17,5 milhões, dos quais R$ 4 milhões já foram captados. Esses primeiros quatro edifícios devem ser entregues no próximo ano.

Um evento a partir das 19h de hoje marca o início dos trabalhos. Neste fim de semana, o canteiro abrirá das 12h às 18h, sempre com visitação. Depois, ele ficará aberto de segunda a sexta, das 11h às 17h. Grupos de escolas e faculdades poderão visitar o local.

História

A Vila Itororó foi construída como conjunto residencial de casas de aluguel pelo português Francisco de Castro em 1922. Ele arrematou entulhos do Teatro São José, que passara por incêndio, o que incluiu esculturas e vitrais, levados para a obra. Ela recebeu esse nome em homenagem ao riacho Itororó, que era onde hoje fica a avenida 23 de Maio.

A Vila Itororó fica na rua Pedroso, 238, próximo à estação São Joaquim.

[metrogallerymaker id=”638″]