Brasil

Lobista Fernando Baiano depõe nesta sexta-feira em Curtitiba

O lobista Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, deve prestar depoimento nesta sexta-feira. Ele se apresentou na superintendência da Polícia Federal em Curitiba na última terça, após quatro dias foragido, e está preso junto com outros 13 investigados da operação Lava Jato.

Em depoimento de delação premiada, o doleiro Alberto Youssef citou Fernando Baiano como o operador do PMDB no esquema de corrupção da Petrobras. O advogado de defesa do lobista, Márcio Oliveira Filho, confessa que o seu cliente tinha negócios com a estatal, mas diz que todos eram licitos. Ele também nega a ligação de Fernando Baiano com o partido político.

Em relatório enviado pelo Banco Central ao juiz federal Sérgio Moro, responsável pelo caso, foi informado o bloqueio de R$ 8,5 mil na conta do lobista no Citibank, e R$ 304 em outra conta, no Santander. No banco Itaú, a conta mantida por Fernando Baiano estava zerada.

Em entrevista na quarta-feira, o advogado Mário Oliveira Filho disse que Fernando Baiano faz  «prospecção de negócios». O representante do empresário disse ainda que não há obra sem propina no país.

Além do lobista, permanecem detidos o ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque e executivos de empreiteiras que têm contrato com a Petrobras.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos