Foco

‘Centenas’ morrem na Nigéria em ataque do Boko Haram

Um ataque atrubuído ao grupo extremista islâmico Boko Haram matou “centenas de pessoas” em um vilarejo no nordeste da Nigéria, disse nesta quarta-feira o senador Ahmed Zanna. Segundo ele, “há quase 300 mortos”.

O deputado federal Abdulrahman Terab, representante da região na Câmara Baixa do Parlamento, disse que “as pessoas ainda estão contando os corpos. Contaram mais de 200 e ainda não acabaram”.

O ataque ocorreu perto da fronteira nigeriana com Camarões na segunda-feira, mas só foi divulgado nesta terça. Segundo a Reuters, o número de vítimas confirmadas era de “pelo menos 125”.

Segundo testemunhas, dezenas de atiradores cercaram a cidade antes do amanhecer e dispararam armas automáticas a esmo.

Recompensa

O governo da Nigéria ofereceu cerca de US$ 300 mil a quem puder dar informações que levem às mais de 200 meninas raptadas pelo Boko Haram em abril.  O grupo sequestrou mais oito meninas esta semana. Na segunda-feira, o líder do grupo ameaçou “vender” as crianças “como escravas”.

Washington, Londres e Paris ofereceram ajuda para localizar as estudantes. 

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos