Foco

Confrontos e bombardeios na Síria deixam mais de 80 mortos

Hosam Katan/Reuters
Pelo menos 83 pessoas morreram durante ataques na Síria | Hosam Katan/Reuters

Pelo menos 83 pessoas morreram nessa quinta-feira em confrontos e bombardeios nas províncias sírias de Alepo e Deraa, no Norte e Sul do país, anunciou nesta sexta-feira o Observatório Sírio dos Direitos Humanos. Cerca de 54 pessoas morreram na cidade de Alepo e em sua periferia, a maioria devido a ataques aéreos. O pior ataque ocorreu na localidade de Atareb, onde pelo menos 30 pessoas morreram em bombardeio da aviação militar em um mercado.

Leia também:

Obama diz que Coreia do Norte representa ameaça para região e EUA

Em Alepo, seis menores de idade, uma mulher e cinco homens morreram em explosões de barris atirados por helicópteros do regime contra o bairro de Karm Al Bik. Mais quatro pessoas morreram nos arredores de Alepo em ataques semelhantes ou devido a projéteis disparados em terra. Nessa província, pelo menos oito milicianos islamitas morreram em combates contra as forças governamentais, acrescentou o Observatório.Por outro lado, em Derra, os combates custaram a vida de 29 rebeldes na localidade de Tal Yabia.Mais de 150 mil pessoas morreram desde o início do conflito na Síria, em março de 2011, segundo dados do Observatório.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos