Foco

Com itens obrigatórios e IPI maior, preço de veículos sobe 5%

Os automóveis ficaram 5% mais caros em março com a volta do IPI e a inclusão de airbag e freios ABS, obrigatórios para carros fabricados desde janeiro. O dado é da Fenabrave (associação das concessionárias).

No mês passado, foram emplacadas 228.728 unidades de automóveis e comerciais leves, contra 245.929 em fevereiro, o que representa queda de 6,99%. Na comparação com março 2013, o recuo foi de 14,75%.

Além do imposto maior e da inclusão dos itens de segurança, o Carnaval, que neste ano caiu em março, também contribuiu para a queda nas vendas.

Pela primeira vez uma picape, a Strada, da Fiat, foi o veículo mais vendido no país. Em março, o modelo vendeu 13.020 unidades, desbancando o Gol, líder há mais de 20 anos, que caiu para o terceiro lugar na lista.

O compacto da Volkswagen também perdeu para o Fiat Palio. O fim da produção, a partir de janeiro, do Gol G4, o mais barato da linha, reduziu os volumes do modelo, que não contava airbag e freios ABS, que passaram a ser obrigatórios.

A venda total de veículos, incluindo caminhões, ônibus e motocicletas, recuaram 7,09% em março, quando foram emplacados 365.272 unidades.

Em um cenário mais favorável, a Fenabrave prevê que o setor encerre o ano com o mesmo resultado de 2013. Com uma expansão do PIB prevista entre 1,5% e 2%, a entidade diz que será difícil atingir crescimento expressivo este ano. No cenário mais pessimista, poderá ocorrer queda geral de 3,6%.

 

Captura de Tela 2014-04-02 às 22.50.20

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos