Foco

Reforma no Memorial da América Latina fica pronta no final do ano

O auditório Simón Bolívar, do Memorial da América Latina, só deve ter sua restauração finalizada no término desse ano, segundo previsão da CPOS (Companhia Paulista de Obras e Serviços). O prédio foi atingido por um incêndio no dia 29 de novembro – há 82 dias.

Na semana passada, técnicos do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) iniciaram a fase final de análise da estrutura.

Segundo a administração do Memorial, as obras de recuperação do espaço na Barra Funda, zona oeste de São Paulo, devem começar nos próximos dias.

O IPT realizou uma visita ao auditório logo após o incêndio. “A avaliação preliminar serviu de parâmetro para a elaboração da proposta de trabalho”, conta o engenheiro civil Daniel Mariani Guirardi, do instituto

O incêndio que atingiu 90% do auditório Simón Bolívar e causou danos em vidraças, provocou rachaduras nas paredes e destruiu uma tapeçaria de Tomie Ohtake, que ainda não tem nada para ser restaurada. Durante a operação, 25 bombeiros ficaram feridos. Inaugurado em 1989, o Memorial da América Latina foi projetado por Oscar Niemeyer.

Profissional do IPT faz registros fotográficos e desenhos esquemáticos da estrutura do auditório | André Porto/Metro

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos