Estilo de Vida

Alopecia: veja o que é, sintomas e como tratar a condição que levou o ator Will Smith a agredir Chris Rock

Will Smith deu um tapa no rosto do ator e comediante Chris Rock durante a cerimônia do Oscar 2022

Alopecia

A noite da premiação do Oscar 2022 vai ser lembrada por uma cena inusitada: o ator Will Smith subiu ao palco e deu um tapa no rosto do ator e comediante Chris Rock que estava apresentando a cerimônia. O motivo? O comediante fez alguns comentários sobre a esposa de Will, Pinkett Smith, que raspou a cabeça em virtude de uma condição conhecida como alopecia. Mas o que é isso?

Will Smith dá tapa na cara de Chris Rock durante Oscar 2022

De acordo com o portal Tua Saúde, alopecia é uma condição onde ocorre uma queda de cabelo repentina do couro cabeludo ou de pelos por qualquer outra região do corpo. A doença faz com que grandes quantidades de cabelo caiam, sendo possível visualizar o couro cabeludo ou a pele que antes era coberta por pelos.

LEIA TAMBÉM: Web reage à tapa de Will Smith em Chris Rock no Oscar 2022; veja

Tipos

É possível que o dermatologista identifique a alopecia e o seu tipo, para que seja indicado o tratamento mais adequado para prevenir a queda de mais fios. A doença pode ser classificada como:

Areata: a alopecia areata é causada por questões emocionais ou fatores autoimunes, que causam intensa queda de cabelo em determinadas áreas, onde é possível identificar placas redondas no couro cabeludo com a ausência de pelos.

Androgenética: conhecida também como calvície. É causada por fatores genéticos e associada aos níveis de testosterona no sangue, por isso é mais comum em homens.

Seborreica: causada por uma dermatite e pode ser tratada com o uso de medicamentos;

Eflúvio: é caracterizada por um período onde o cabelo cai naturalmente, mas caso esse mecanismo esteja desregulado, pode causar um período maior de queda de cabelo, mas que responde bem aos tratamentos.

Causas

As principais causas para que ocorra a alopecia são:

  • Micose no couro cabeludo;
  • Uso de medicamentos;
  • Estresse;
  • Reação hormonal pós parto;
  • Uso de produtos químicos inadequados;
  • Lúpus eritematoso sistêmico;
  • Doenças como hipotireoidismo, hipertireoidismo, sífilis secundária ou líquen plano;
  • Deficiência de proteínas, ferro, biotina e zinco.

Alguns tipos de câncer, como o de pele, também ocasionam a queda de cabelo.

Tratamento

A primeira atitude é procurar um médico dermatologista para uma consulta, para que as causas sejam identificados e o tratamento mais assertivo seja indicado. Alguns opções mais comuns são o uso de medicamentos orais, como finasterida ou espironolactona, ou tópicos, sendo o minoxidil ou o alfaestradiol mais indicado.

Outros produtos indicados para uma condição mais leve ou para complementar algo mais graves são produtos cosméticos em loção ou ampolas ou o uso de suplementos alimentares.

ATENÇÃO!

Em caso de dúvidas, procure um médico especializado e e hipótese alguma faça o uso de medicamentos sem a prescrição de um profissional da área da saúde.

LEIA TAMBÉM:

Bebida detox natural: a receita ‘secreta’ para limpar seu corpo de dentro para fora

Como a diabetes tipo 2 é tratada? Isto é o que você precisa saber se foi diagnosticado

Esses são os 6 principais sintomas que podem indicar tuberculose

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos