Estilo de Vida

‘Coceira dos sete anos’: por qual motivo muitos casais se separam quando chegam nessa época?

Termo explica o período em que os relacionamentos começam a ficar desanimadores

‘Coceira dos sete anos’: por qual motivo muitos casais se separam quando chega nessa época?

Você já separou que muitos casais separam após sete anos juntos? Chamada de The Seven Year Itch, ou ‘A coceira dos 7 anos’, acontece pelo fato desse período ser o momento onde a relação está ficando desanimadora, sendo ameaçada pela traição. Mas será que isso realmente pode causar o fim de relacionamentos?

A sexóloga clínica Ness Cooper explica ao Metro Reino Unido que o termo era o título de um filme de Marilyn Monroe e o nome do fenômeno surgiu a partir daí. “Na década de 1950, as pessoas usavam isso como uma maneira de tentar entender por que os relacionamentos declinavam ao longo do tempo. É provável que naquela época, no mundo do pós-guerra, os relacionamentos estivessem passando por alguns desafios imprevisíveis, devido à incerteza que ficou para trás nas áreas da vida, de um trauma tão comum”, explica a especialista.

O termo é utilizado até hoje para descrever esse período sombrio em que uma pessoa pode ficar cansada, irritada ou entediada com o seu parceiro. Ness comenta que alguns fatores sociopsicológicos podem acabar influenciando isso, como novas estruturas de trabalho, renda, filhos e mudanças de rotina, além da pandemia.

“Pode ser fácil dizer que os casais devem estar preparados para qualquer coisa, mas tempos como a recente pandemia podem tornar o estilo de vida e o estresse romântico mais perceptíveis – e pode ser fácil dizer que é porque um relacionamento acabou de atingir esse marco, em vez de olhando mais fundo em resoluções”.

LEIA TAMBÉM:

As expressões faciais que são identificadas como flerte por homens, de acordo com estudo

Isto é o que as mulheres precisam para um sexo mais prazeroso

Este é o novo preservativo que pode melhorar o prazer sexual para homens e mulheres

Como solucionar?

“A comunicação é o ponto de partida quando as pessoas sentem que seu relacionamento está diminuindo com o tempo, e quanto mais cedo melhor”, explica a sexóloga. Por mais pequena que seja a mudança ou o incômodo, é preciso discutir com seu parceiro para que o problema não se torne algo maior.

Questione se o problema é o seu relacionamento

É importante refletir se o que está passando por uma crise realmente é o seu relacionamento ou outras áreas da sua vida. Às vezes questões externas podem levar o seu romance ao declínio.

Comece com pequenas mudanças

“Nem sempre é possível levar um relacionamento de volta aos trilhos em uma grande tentativa, principalmente quando as pessoas começam a pensar que a coceira de sete anos é um grande concorrente em sua intimidade e conexão em declínio. Muitas vezes, são vários fatores que se acumularam ao longo do tempo que precisam ser abordados”, diz Ness. Por isso, pare e priorize um tempo junto com seu parceiro para fazer coisas novas.

Olhe para o futuro

A Dra. Audrey Tang, psicóloga e especialista em saúde mental e bem-estar, diz que também é importante ter uma percepção de futuro sobre o que você e o seu parceiro esperam. “Embora isso possa resultar em uma percepção desagradável de que você não está na mesma página, é sempre melhor descobrir cedo para que você possa encontrar um meio de retornar ou seguir o mesmo caminho. Se não, você pode acabar permitindo que a expectativa e a decepção azedem o bom e depois terminando em termos desagradáveis”, finaliza Audrey.

LEIA MAIS:

Seu padrão para namorar é muito alto? Descubra aqui

Relacionamento amoroso e trabalho combinam?

Mulher entra em disputa com o marido após se recusar a colocar o sobrenome dele na certidão de nascimento do filho

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos