logo
Representação / Imagem de Free-Photos por Pixabay Representação / Imagem de Free-Photos por Pixabay
Estilo de Vida 13/07/2021

Uma noite ‘mal dormida’ é o bastante para afetar sua saúde física e mental

Estudo alerta para a falsa ideia de sono recuperado aos finais de semana e para importância de dormir bem.

Sensações de raiva e chateação podem ser comuns após uma noite de sono mal dormida. Um estudo recente mergulhou a fundo nesta questão e descobriu detalhes que podem esclarecer por que nos sentimos assim.

Conforme divulgado pelo Metro Uk, os resultados da pesquisa mostram que apenas uma noite sem dormir, ou dormindo mal, pode causar um grande impacto nas emoções negativas e na saúde física e mental.

Publicado pela revista científica Annals of Behavioral Medicine, o estudo analisou ao longo de oito noites consecutivas, as consequências de dormir menos de seis horas. Participaram da pesquisa cerca de 2.000 adultos americanos de meia-idade. Para o estudo, eles anotaram dados sobre sua saúde física e mental em um diário, no qual 42% relataram ao menos uma noite de perda de sono.

Confira também:

Essa perda levou ao aparecimento de emoções negativas como raiva, nervosismo, solidão, irritabilidade e frustração. Para além disso, o estudo também revelou que surgiram sintomas físicos, como problemas respiratórios, dores e problemas gastrointestinais.

Todos estes sintomas negativos permaneceram até que que os participantes tivessem uma noite de sono com mais de 6 horas. O maior índice de relatos sobre estas emoções aconteceu após apenas uma noite de sono ruim, com piora nos dias seguintes.

Resultados de uma noite mal dormida

Além de levantar os efeitos negativos causados por uma noite de sono mal dormida, a pesquisa também destaca problemas com a ideia de “colocar o sono em dia”. O autor principal, Soomi Lee, disse que essa ideia é comum a maioria das pessoas.

“Muitos pensam que podemos pagar nossa dívida de sono no final de semana. No entanto, os resultados mostram que perder apenas uma noite de sono pode prejudicar seu dia de forma significativa”. Soomi ainda enfatiza que a melhor maneira de garantir um bom desempenho diário é cuidar da saúde mental e reservar mais de seis horas por noite para dormir.