O uso do canudinho de metal e a educação ambiental

Por Metro World News

Muitas campanhas em todo o mundo lutam contra o uso excessivo dos canudos de plástico. Mas ainda são poucas as opções para substituir esses produtos. De olho nessa lacuna, uma empresa canadense criou um canudinho inteligente chamado Elo. Ele é feito de alumínio e ainda vem acompanhado de um aplicativo que ensina a mudar seu comportamento e tornar-se uma pessoa melhor para o planeta.

A ideia de desenvolver o canudinho inteligente, segundo o criador do produto, Peter Scott, surgiu ao ler um artigo sobre a proibição dos canudinhos em países europeus. “Como os aplicativos móveis são muito populares, pensei por que não usá-los para promover uma mudança de mentalidade sobre essa forma de consumo e ajudar na transição para alternativas reutilizáveis.”

Em primeiro lugar, o canudinho já se justifica por ser reutilizável, ou seja, é mais sustentável reutilizar o produto de metal, que dura mais do que os de fibra plástica e papel usados uma única vez. Mas o principal diferencial é o app que fornece dicas de como romper hábitos em um período de 21 dias, além de informações sobre temas ambientais.

“Funciona como os programas para deixar de fumar: durante 21 dias em horários pré-programados, café da manhã, almoço, jantar e baladas com amigos, o app lembrará você de usar o canudinho de metal.”

O app também tem um contador de canudos em tempo real para medir consumo e redução na utilização do produto de plástico. Scott acredita que a solução mais viável para a questão são as alternativas reutilizáveis. “Vejo pessoas defenderem o fim dos canudinhos. Isso não é prático. Para necessidades médicas, infantis, embalagens e bebidas. Não acredito que podemos deixar um hábito de 70 anos em 2 anos”.

Loading...
Revisa el siguiente artículo