logo

Camisa 10 e capitão do São Paulo, Daniel Alves aproveitou o final de semana para responder aos torcedores em suas redes sociais. O meia abriu espaço para as perguntas e uma das primeiras foi em relação aos estilos de jogo de Hernán Crespo, atual técnico, e Fernando Diniz, ex-comandante da equipe. Segundo ele, há uma semelhança no estilo entre os treinadores.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

“Não vejo muita diferença”, escreveu o camisa 10 tricolor. “Os dois gostam de tratar bem a bola, os dois gostam de muita intensidade e os dois precisam de tempo para fazer uma equipe vencedora”, completou o jogador. Um dos principais motivos da queda de Diniz foi por conta dos maus resultados do time, que culminaram na perda do título do Campeonato Brasileiro de 2020. 

O São Paulo treinou no sábado no CT da Barra Funda mas, por conta da paralisação do Campeonato Paulista, ainda não se sabe quando entrará em campo novamente. 

O estadual está paralisado devido às determinações do governo do estado para conter a disseminação da covid-19. O próximo compromisso do time tricolor pelo Paulistão seria contra o rival Corinthians. Na Libertadores, o clube do Morumbi é cabeça de chave, mas ainda não tem previsão de estrear.  

Uma das novidades foi Tchê Tchê, que treinou em separado do resto do elenco. Rumores apontam uma possível ida do meia para o Atlético-MG. A transferência seria por empréstimo e um pedido do técnico Cuca, comandante do clube mineiro. Os dois trabalharam juntos no Palmeiras e no São Paulo.