5 acessórios esportivos para tenistas profissionais e amadores voltarem às quadras em 2021

Por Metro

Há 121 anos, exatamente no dia 9 de fevereiro de 1900, teve início a 1ª edição da Copa Davis de Tênis (ou Taça Davis). A copa surgiu a partir de um desafio de quatro alunos da Universidade de Harvard, que tiveram a ideia de desafiar os britânicos, que na época eram os campeões do mundo no tênis, para uma partida no Longwood Cricket de Boston. A equipe dos Estados Unidos era formada por Dwight Davis (que daria nome ao torneio), Malcolm Whitman e Holcombe Ward e a equipe britânica era formada por Herbert Barret, Ernest Black e Arthur Gore. No final, a equipe estadunidense acabou sendo campeã.

As primeiras edições foram disputadas apenas por estadunidenses e britânicos, até que em 1904, belgas e franceses entraram na disputa. A partir daí, o número de participantes passou a aumentar chegando a mais de 130 equipes participantes desde 2010. O torneio é a maior competição esportiva do planeta a ser realizada todos os anos.

O Brasil fez sua estreia em 1935, mas foi desclassificado na primeira rodada pelos Estados Unidos. Somente em 1966, os brasileiros conseguiram uma vitória expressiva quando Thomaz Koch e Edison Mandarino chegaram às semifinais contra a Índia, mas foram derrotados em Calcutá. O mesmo aconteceu em 1971, quando o Brasil deixou de disputar a final contra os Estados Unidos ao perder para a Romênia. Individualmente, Thomaz Koch é o sétimo jogador em número de vitórias em toda a história da competição.

O Brasil voltou às semifinais em 1992 com Luiz Mattar e Jaime Oncins, após vencer sete confrontos seguidos, sua mais expressiva série de vitórias, incluindo a Alemanha de Boris Becker e a Itália. Foi derrotado pela Suíça em Genebra. Os Estados Unidos com 32 títulos e a Austrália com 28 são os maiores vencedores do torneio, seguidos em terceiro pelo duplo empate de Grã-Bretanha e França com 10 campeonatos cada.

Depois disso, o Brasil não forma grandes equipes, só voltando a ter bons resultados nos anos 90 com Gustavo Kuerten e Fernando Meligeni como os principais jogadores, e volta a ter bons rendimentos, como na semifinal que perdeu para a Austrália em 2000. Devido à pandemia de COVID-19, o torneio não pôde ser completado em 2020, mas terá continuidade a partir de março de 2021 com finais no mês de novembro em Madrid, na Espanha.

Segundo dados da Federação Internacional de Tênis (ITF), em relatório divulgado em 2020, o Brasil tem cerca de 2,2 milhões de praticantes, o que representa 2,6% do total mundial de 87 milhões de jogadores amadores e profissionais. Selecionamos 5 itens esportivos disponíveis no e-commerce para quem já é ou pretende ser um tenista (amador ou profissional). Confira:

1. Raquete de Tênis Wilson Burn – Compre a partir de R$ 999,90.

2. Bolas de treino de feltro pressurizado para treinamento profissional para iniciantes (12 peças) – Compre a partir de R$ 151,28.

3. Raqueteira Head Marinho e Azul – Compre a partir de R$ 449,90.

4. Munhequeira Under Armour Preta com Branca (par) – Compre a partir de R$ 59,99.

5. Tênis Asics Masculino – Compre a partir de R$ 299,90.


*Seja um assinante Amazon Prime: você terá frete grátis ilimitado e ainda poderá usufruir do canal de entretenimento que disponibiliza filmes, séries, músicas e muito mais por apenas R$ 9,90 ao mês. Faça o teste gratuitamente por 30 dias.

 

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

 

O Metro World News pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página. Os preços informados e a quantidade disponível condizem com os do momento da publicação deste post.

Loading...
Revisa el siguiente artículo