Esporte

Portugal tentou roubar Griezmann da França

Griezmann marcou dois contra a Alemanha | Eddie Keogh/Reuters

O atacante Antoine Griezmann, decisivo para a França na Euro 2016, poderia ter um destino totalmente diferente. Em 2012, o jogador do Atlético e Madri recebeu um convite da Federação Portuguesa de Futebol para defender a seleção do país.

O contato foi mais intenso quando Griezmann foi suspenso da seleção sub-21 da França em novembro daquele ano. A punição foi dada após o atacante fugir de uma concentração da equipe. A informação é confirmada pelo jornalista português Nuno Travassos, do site Maisfutebol.

«É uma sondagem normal que a federação faz ao acompanhar vários jovens que jogam na Europa. Por ser um continente com muita migração, isso se tornou comum. Muitos surgem como destaques no cenário europeu e há o interesse de contar com o jogador na Seleção. Griezmann foi um dos focos e ficou de pensar no assunto, principalmente na época em que ficou suspenso por indisciplina. Ele recebeu o convite, mas preferiu ficar com a França», contou Nuno ao Portal da Band.

Ligação com os lusos

Nascido em Mâcon, pequena cidade francesa, Griezmann treinou por alguns anos no Lyon, onde não teve oportunidades. Em um período de testes no Montpellier, o jogador foi descoberto por olheiros do Real Sociedad e foi levado para a Espanha. No clube, o francês se tornou profissional e marcou 52 gols em 202 partidas. O desempenho chamou a atenção do Atlético de Madri, que contratou o atacante após a Copa do Mundo de 2014.

«A ligação de Griezmann com Portugal não é muito conhecida no país. Como ele não passou pelo futebol português, muitos nem conheciam este passado. Não existe um elo entre ele e os torcedores. Claro que muitos o conhecem por conta do sucesso que ele faz no Atlético de Madri, mas quem não acompanha o futebol internacional não reconhece Griezmann aqui», explica Travassos.

O atacante já enfrentou os portugueses em 2014, quando a França venceu por 2 a 1 em amistoso disputado no Stade de France, mesmo palco da final da Euro. A partida acontece no próximo domingo, às 16h00, e você acompanha todas as emoções da decisão na tela da Band.

Leia também:
Nadal diz que medo de zika nos Jogos está longe da realidade
Piqué ‘trola’ Shakira e grava vídeo da cantora tentando tirar ‘selfie perfeita’

Avô Lopes

A possibilidade de Griezmann defender Portugal existia porque Amaro Lopes, avô de Griezmann, nasceu, morou e até jogou futebol no país. Nuno conta a história: «Ele jogou na primeira equipe principal do Passos de Ferreira em meados de 1950, quando a equipe ainda era conhecida como Vasco da Gama. Hoje, eles tem bastante torcida em Portugal. Na época, era praticamente um time formado por amadores. Em 1957, ele foi para a França terminar seus estudos». Em território francês, Isabelle Lopes, filha de Amaro, conheceu Alain Griezmann, pai do jogador.

Mesmo com Cristiano Ronaldo assumindo o protagonismo na seleção portuguesa em muitos momentos da competição, o jornalista acredita que Griezmann é o grande nome desta Eurocopa: «Só por marcar 6 gols em uma única edição de Eurocopa, ficando abaixo apenas de Michel Platini, temos noção do quanto ele está sendo importante. Na forma como a França joga, ele tem sido fundamental», completa.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos