Esporte

Quatro são presos por briga na final do Campeonato Alagoano

Partida entre CSA e CRB na final do Campeonato AlagoanoQuatro pessoas foram detidas por suspeita de participação na briga generalizada que ocorreu após a final do Campeonato Alagoano entre CRB e CSA, no Estádio Rei Pelé, no último domingo, em Maceió. Um dos detidos é Wilson Ferreira Santos, gandula do CSA de 31 anos. Além de Wilson, também foram presos Arthur Henrique dos Santos Almeida, de 20 anos; Joseph Hebert Nascimento Ferreira, 29; e Flávio Gouveia dos Santos, 29.

De acordo com a Polícia Civil, os quatro torcedores foram identificados através do circuito interno de segurança do estádio e de imagens publicadas pela imprensa. Todos eles foram autuados por tentativa de homicídio. Devido às agressões, duas pessoas foram internadas. Uma foi liberada e outra segue em estado grave.

Após o ocorrido, o governador Renan Filho (PMDB), utilizou as redes sociais para criticar o episódio que julgou como “inaceitável” e uma vergonha “para as famílias de Alagoas” e prometer punição aos envolvidos.

Veja também:
Novo contrato de Neymar terá cláusula de R$ 880 mi

“Determinei agora à noite ao sistema de Segurança Pública uma ação imediata e integrada de todas as forças policiais para a identificação, localização e captura dos envolvidos nos atos de violência. E toda presteza possível no socorro às vítimas. Alagoas repudia a violência e a covardia. O Governo do Estado já está agindo para que, com a rapidez necessária, os membros de torcidas organizadas que agem como bandidos travestidos de torcedores sintam a mão firme da polícia, a força da Lei e a face severa da Justiça”, publicou.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos