logo
Esporte
Esporte 27/04/2015

Helio Castroneves lamenta pit stop no fim do GP do Alabama

Helinho ainda é o vice-líder do campeonato / Shawn Gritzmacher/IndyCar

Helinho ainda é o vice-líder do campeonato | Shawn Gritzmacher/IndyCar

Pole-position, Helio Castroneve largou forte, segurou a ponta e passou toda a corrida brigando pelas primeiras posições, até que na penúltima volta, quando estava no quarto posto, precisou parar para reabastecer e perdeu muitas posições e a chance de roubar a liderança do campeonato do colombiano Juan Pablo Montoya.

De volta à pista, Helinho acabou cruzando a linha de chagada na 15ª posição e lamentou ter que fazer a parada nos pits a duas voltas para o fim da quarta etapa da temporada 2015 da Fórmula Indy.

“Eu economizei tudo o que podia. Tanto que nem usei os últimos push to pass para me defender dos ataques. Mas não teve jeito, o negócio foi mesmo dar aquela paradinha no final. Uma pena”, disse.

Apesar do resultado ruim, o brasileiro lembrou que ainda está na cola de Montoya na pontuação. Helinho ainda é o vice-líder do campeonato com 133 pontos, três atrás do colombiano.

“No final das contas até que a coisa não ficou ruim em termos de pontuação, pois a minha diferença para o Juan Pablo poderia ser maior nessa altura do campeonato”, completou.