logo
Esporte
Esporte 26/04/2015

Rio de Janeiro vence o Osasco e leva a Superliga feminina

Natália foi a maior pontuadora | Divulgação

Natália foi a maior pontuadora | Divulgação

Rexona-Ades/Rio de Janeiro é a equipe campeã da Superliga 2014/2015. Apesar do placar de 3 a 0 na final, contra o Molico-Nestlé/Osasco, não foi uma partida fácil. O time paulista pressionou bastante, especialmente no final dos sets. A partida durou quase duas horas.

Para Fofão, o título tem um gosto especial. Ele marca a despedida da levantadora de 45 anos das quadras brasileiras. A atleta só disputará o Mundial, em maio, e depois se aposentará. No momento da premiação, ele recebeu um buquê de flores, entregue pela mãe, e uma placa do presidente da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV).

“Cada segundo, cada minuto. Isso aqui é muita emoção, melhor do que eu planejei, melhor do que eu imaginava. As lágrimas são de felicidade”, disse a jogadora, logo após o término da partida.

Esse é o décimo título de Superliga do Rio de Janeiro, que é comandado por Bernardinho. Com parciais de 25-21, 25-23 e 25-19, a partida chegou a uma marca incrível: as equipes decidiram 10 das 11 últimas temporadas da competição. A maior pontuadora foi Natália, com 19 acertos.