logo
Esporte
Esporte 22/04/2015

Real Madrid e Atlético decidem vaga na semi da Liga dos Campeões

| Andrea Comas/Reuters

Real enfrenta o Atlético de Madrid nesta quarta-feira | Andrea Comas/Reuters

Com Gareth Bale, Luka Modric, Karim Benzema e Marcelo ausentes, o Real Madrid recebe na quarta-feira um Atlético de Madri, às 15h45, disposto a vingar a derrota na última final, na partida de volta das quartas de final da Liga dos Campeões, depois de ter empatado sem gols na ida.

Em uma semana, quatro titulares incontestáveis tiveram que sair do time principal de Carlo Ancelotti: o brasileiro Marcelo cumpre suspensão, o croata Modric e o galês Bale se lesionaram no sábado na vitória por 3 a 1 diante do Málaga e, para completar, o francês Benzema, que vinha sentindo um incomodo desde a partida de ida, teve uma torção no joelho confirmada por exames.

Com isto, o famoso trio de ataque ‘BBC’ (Bale-Benzema-Ronaldo), decisivo há um ano para a conquista da décima Liga dos Campeões do clube, só terá Cristiano Ronaldo.

Dia de Chicharito

O português, que chegou aos 50 gols nesta temporada, estará acompanhado no ataque do mexicano Chicharito Hernandez, que vem sendo mais aproveitado nas últimas semanas, ou por Jesé.

Em frente estará a melhor defesa da ‘Champions’. Com apenas quatro gols sofridos na competição, o Atlético tem bom retrospecto contra o rival, contra o qual está invicto nesta temporada (quatro vitórias e três empates).

Numa das poucas boas notícias para o Real, o meia colombiano James Rodríguez vive grande fase, com gols e assistências em quatro partidas desde que se recuperou de uma grave lesão no início de abril.

“O Atlético é uma equipe intensa, bem posicionada atrás, que forma um bloco. Sonhamos em passar de fase e, se eu conseguir marcar, será bonito”, declarou James em entrevista ao site do Real Madrid.

A estrela colombiana terá que se multiplicar no meio de campo com a ausência de Modric, motorzinho do time que deve ficar fora do restante da temporada com uma nova lesão no joelho.

Com o croata em campo, o Real fez um espetacular início de temporada, com 22 vitórias consecutivas (recorde absoluto do futebol espanhol).
Depois da primeira lesão do croata, Ancelotti não conseguiu equilibrar o meio de campo da equipe, que entrou em crise, da qual só saiu quando, justamente,  o croata voltou ao time em março.

Griezmann, ameaça ‘colchonera’

Para o duelo de quarta-feira no Santiago Bernabéu, o técnico italiano poderia optar por quatro meias, ao invés do clássico 4-3-3.

Ao lado do insubstituível Toni Kroos estarão James, Isco e provavelmente Asier Illarramendi, que vem ganhando mais espaço no time, em detrimento do brasileiro Lucas Silva e do alemão Sami Khedira.

Já o Atlético entrará em campo com força máxima, com croata Mario Mandzukic e o francês Antoine Griezmann, que vive a melhor fase da carreira e já marcou 20 gols na Liga Espanhola.

“Com o 0-0 da ida, eles não podem sofrer gol, mas acho que vão atacar e temos que estar preparados para atacar e defender”, resumiu na segunda-feira o atacante ‘Colchonero’ Fernando Torres, que deve começar no banco.

Como na partida de ida, na qual se tornou um pesadelo para os zagueiros do Real, nunca fugindo das dividias, Mandzukic terá a missão de chamar a atenção da marcação e abrir espaço para Griezmann.

“É um jogador de muita mobilidade, que não fica parado no mesmo lugar. Contra ele, temos que ter atenção de maneira coletiva”, declarou o zagueiro francês do Real Raphael Varane, elogiando o companheiro de seleção.

Outro destaque ‘Colchonero’ é o goleio esloveno Oblak, que foi muito criticado na sua chegada ao clube, mas foi o herói da partida de ida, com várias defesas decisivas no primeiro tempo.

Prováveis escalações:

Real Madrid: Casillas – Carvajal, Varane (ou Pepe), Ramos, Coentrão – James Rodríguez, Kroos, Illarramendi (ou Khedira), Isco-‘Chicharito’ Hernández, Cristiano Ronaldo. T: Carlo Ancelotti (ITA)

Atlético de Madri: Oblak – Juanfran, Miranda, Godín, Siqueira (ou Gámez) – Arda Turan, Gabi, Tiago, Koke – Griezmann, Mandzukic. T: Diego Simeone (ARG)

Árbitro: Felix Brych (ALE).