logo
Esporte
Esporte 13/04/2015

Fifa determina que FPF retire patrocínio de camisa de árbitros

Logo da Crefisa está no peito da camisa da arbitragem | Rodrigo Corsi/FPF

Logo da Crefisa estava no peito da camisa da arbitragem | Rodrigo Corsi/FPF

A Fifa determinou que a Federação Paulista de Futebol (FPF) retire o patrocínio que está estampado na camisa dos árbitros que apitam o Campeonato Paulista e interrompa o contrato com a Crefisa e com a Faculdade das Américas (FAM). Na última semana, as parcerias geraram polêmica, já que as duas marcas também patrocinam o Palmeiras.

O anúncio sobre a determinação da Fifa foi feito na manhã desta segunda-feira, na reunião que definiu os horários, locais e datas das semifinais do Paulistão 2015. Estavam presentes representantes dos quatro grandes, que disputarão os jogos.

A decisão da FPF de firmar parceria com a Crefisa e a FAM vai contra o regulamento da Fifa, que permite patrocínios nas camisas dos árbitros se não houver conflito de interesses. Neste caso, o acordo das marcas com o Palmeiras é um conflito.

“Anúncios de patrocinadores nas camisas de árbitros serão permitidos somente se não criarem conflitos de interesses com nenhum dos times participantes. Caso isso aconteça, o árbitro não deve utilizar nenhum anúncio na camisa”, diz um trecho do artigo 15 do Regulamento de Organização de Arbitragem da Fifa.

O logo da Crefisa seria colocado na parte da frente das camisas, o que também é proibido pelo regulamento, que só permite marcas nas mangas.