logo
Esporte
Esporte 09/04/2015

Tite é contra jogo às 11h e diz que é preciso ter bom-senso

Tite afirmou que Santos cresceu no segundo tempo | Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Tite é contra jogo no domingo de manhã | Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Uma reunião na sede da Federação Paulista de Futebol na manhã desta quinta-feira decidirá datas e horários dos quatro jogos da fase quartas de final do Campeonato Paulista.

No entanto, Tite já deu sua opinião e foi enfático. “Vamos ter bom-senso. Não dá, não dá. Não dá para ninguém. Não sei a solução, mas 11 da manhã não dá”, disse em entrevista coletiva.

O treinador do Corinthians até fez um apelo. “Todo o mundo que está ouvindo já jogou uma peladinha às 11 da manhã e sabe a resposta. Todos nós sabemos. Senhor, tu, que está ouvindo, já jogou e sabe como é ruim. Não dá para se alimentar direito, o nível de concentração é menor. Não dá, não dá. Se tiver que jogar, vou fazer o quê? Mas não é o ideal. Não é”.

Na próxima fase, o Corinthians enfrenta a Ponte Preta em Itaquera, mesmo adversário na mesma fase do torneio em 2012 e 2013.

No primeiro duelo entre ambos, a equipe de Campinas se saiu melhor. No ano seguinte, o time de Tite.

“Está 0 a 0, ganhamos uma e perdemos outra”, brincou ele, que elogiou o adversário. “A Ponte está muito bem dirigida pelo Guto (Ferreira), tem transições rápidas pelos lados. Vem apresentando futebol de qualidade. O grau de dificuldade é grande”, observou.

Para o comandante alvinegro, nessa fase decisiva precisa ter a entrega de todos os jogadores. “A mobilização tem de ser total, ainda mais quando é um jogo só. A margem de erro defensiva é mínima, e temos de ser efetivos na frente”.

Contra a Ponte, Tite terá seus titulares de volta – inclusive Felipe, Ralf e Emerson Sheik, que ficaram no banco de reservas no empate contra o XV, em Piracicaba.