logo
Esporte
Esporte 04/04/2015

Palmeiras enfrenta Mogi Mirim com retorno de Valdivia

Valdivia no treino do Palmeiras nesta quarta-feira na Academia de Futebol | Cesar Grecco/Palmeiras/Divulgação

 Último jogo de Valdivia foi no dia 7 de dezembro do ano passado, contra o Atlético-PR | Cesar Grecco/Palmeiras/Divulgação

Aleluia. Depois de quase 4 meses, Valdivia está de volta ao Palmeiras. Neste sábado (de Aleluia), o Verdão encara o Mogi Mirim, no Allianz Parque, às 18h30, pela 14ª rodada do Campeonato Paulista, no duelo que provavelmente marcará a estreia do camisa 10 na temporada. A Rádio Bandeirantes transmite o jogo ao vivo e o Portal da Band acompanha com estatísticas em tempo real.

O chileno passou todo o início de ano se recuperando de uma lesão muscular, sofrida ainda na reta final da temporada. O último jogo dele foi na rodada decisiva do Campeonato Brasileiro de 2014, dia 7 de dezembro, quando o Palmeiras empatou com o Atlético-PR por 1 a 1 no Allianz Parque e conseguiu se manter na elite do futebol nacional graças ao tropeço do Vitória diante do Santos.

O Mago disse que jogou no sacrifício contra o Furacão e por isso o tempo de recuperação neste início de temporada foi mais demorado. A ideia do técnico Oswaldo de Oliveira era utilizá-lo contra o Capivariano, no fim de fevereiro, mas a previsão foi muito além.

Mesmo sem atuar, Valdivia foi convocado para defender a seleção chilena nos amistosos contra Irã e Brasil. O Palmeiras tentou a liberação, mas o técnico Jorge Sampaoli exigiu a presença do meia, que não atuou e apenas seguiu o cronograma de treinos.

Na entrevista coletiva desta sexta-feira, Oswaldo chegou a vetar a presença de Valdivia contra o Mogi e disse que ele provavelmente seria relacionado para pegar o Ituano, na quarta. Porém, voltou atrás no fim da conversa com os jornalistas e disse que Valdivia estava convocado para a partida, ficando como opção no banco de reservas.

Já classificado para as quartas, o Palmeiras tenta agora melhorar a posição na classificação geral. A equipe está em quarto lugar e ainda pode ultrapassar São Paulo e Santos de olho na vantagem de jogar em casa em uma possível semifinal.

Sem poder contar com Tobio (suspenso) e Zé Roberto (machucado), Oswaldo deve mandar a campo o time formado com: Fernando Prass; Lucas, Victor Ramos, Vitor Hugo e Victor Luis; Gabriel, Arouca, Rafael Marques, Robinho e Dudu; Cristaldo.

Uma das melhores equipes do interior na competição, o Mogi soma 20 pontos e ocupa a terceira posição do grupo A. O Sapão briga pela vaga com o Red Bull Brasil, que hoje ocupa a vice-liderança da chave com 21 pontos. O São Paulo lidera com 29 e já está classificado.