Esporte

Nacional abre boa vantagem sobre o Defensor na Libertadores

| Fernando Alfonso/Reuters
Brian Montenegro estreou pelo Nacional nesta terça-feira e abriu a vitória | Fernando Alfonso/Reuters

O Nacional-PAR deu um grande passo para chegar à final da Libertadores pela primeira vez em sua história. Jogando no Defensores Del Chaco lotado, o time de Assunção bateu o Defensor-URU por 2 a 0 no primeiro jogo da semifinal.

Quem abriu a vitória paraguaia foi um estreante. Contratado durante a pausa da Copa do Mundo junto ao Libertad, o atacante Brian Montenegro aproveitou a tabela com Benítez e chutou cruzado sem chances para o goleiro Campaña aos 35 minutos do primeiro tempo.

Na segunda etapa, o time da casa seguia melhor em campo e teve duas ótimas oportunidades para ampliar o placar, mas Campanã brilhou com duas grandes defesas.

A pressão deu resultado aos 24 minutos. Após cobrança de escanteio, Orué aproveitou a sobra de fora da área e acertou belo chute para definir o placar.

Na próxima terça-feira, no estádio Centenário, em Montevidéu, o Nacional pode perder por até um gol de diferença para chegar à inédita decisão da Libertadores. Já o Defensor precisa no mínimo devolver os 2 a 0 para forçar a disputa por pênaltis.

Nesta quarta, San Lorenzo-ARG e Bolívar-BOL começam a decidir quem será o outro finalista. O primeiro confronto será no estádio Nuevo Gasômetro, na Argentina.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos