Entretenimento

Anitta participa de programa de Jimmy Fallon e diz que quer ‘buscar o impossível’

Ela também relembrou que possui 12 anos de carreira no Brasil

Anitta segue apostando na carreira internacional. Ela participou do programa estadunidense The Tonight Show, comandado por Jimmy Fallon, que não poupou elogios à cantora e fez perguntas relacionadas à carreira dela. Anitta contou que começou a cantar em espanhol há quatro anos e em inglês há cerca de um ano.

Ela também relembrou que possui 12 anos de carreira no Brasil.

A cantora comentou sobre a busca de se tornar uma artista internacional. “Quando eu comecei a fazer sucesso no Brasil, eu comecei a buscar o próximo passo, queria fazer algo desafiador. Alguém me disse que, para os brasileiros, era impossível atravessar as fronteiras. E, sempre que eu ouço a palavra ‘impossível’, eu quero seguir nessa direção”, comentou Anitta, o que a fez ganhar aplausos da plateia.

Jimmy Fallon relembrou que a cantora irá participar da próxima edição do Coachella em abril. Anitta afirmou que, no festival, ela quer “levar o Brasil e as favelas para o palco”.

A cantora também fez brincadeiras sobre a sua vida amorosa. Ela disse que, como viaja a várias partes do mundo, ela possui “muitas opções”.

O apresentador então fez perguntas sobre o novo lançamento internacional de Anitta, Boys Don’t Cry. Ela contou que o gosto por uma “vibe rock” surgiu durante a adolescência e que a banda Panic! At The Disco foi a referência para a música.

Anitta falou sobre o preconceito que o ritmo que deu início à carreira dela, o funk, sofre no Brasil. “É como o hip hop dos anos 1990 nos Estados Unidos. Sofre muito preconceito porque vem do gueto e das pessoas pobres das comunidades”.

LEIA TAMBÉM:

A cantora ainda comentou que as pessoas pensam “se ela mexe a bunda, então é burra”, em relação ao preconceito que as mulheres que dançam funk sofrem. “Eu quero mostrar outro lado. Tipo ‘eu mexo a minha bunda, mas eu posso ser inteligente. Eu posso fazer outros ritmos’, sabe?”, ela disse, novamente ganhando aplausos após a fala.

Jimmy também lembrou que Anitta dirigiu, com Christian Breslauer diretor responsável por clipes de The Weeknd, Doja Cat e Charlie Puth, o clipe de Boys Don’t Cry. Ela respondeu dizendo que se inspirou em filmes que gosta, como Noiva em Fuga, Harry Potter e Beetlejuice.

A cantora brincou que o vídeo mostra 50 ex-namorados correndo atrás dela e que isso faz um paralelo com a sua vida real. “Eu não choro pelos caras, eles que choram por mim”, afirmou após Jimmy brincar que ela choraria também.

Ao final, o apresentador elogiou a convidada e pediu para que ela não pare o que está fazendo. “Eu te amo e, por favor, volte sempre”, encerrou Jimmy.

Anitta também fez a primeira apresentação ao vivo de Boys Don’t Cry no programa.

Confira o vídeo:

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos