Entretenimento

Fátima Bernardes não aparece na vinheta de fim de ano da Globo

Durante o programa “Encontro”, a apresentadora contou o verdadeiro motivo pelo qual deixou de gravar a tradicional vinheta da emissora, que estreia nesta quarta-feira

Pela primeira vez, Fátima Bernardes deixou de participar da famosa vinheta de fim de ano da Globo e, nesta quarta-feira (01), ela explicou, durante o programa “Encontro”, o motivo.

Segundo a apresentadora, ela não aparece por conta da cirurgia que fez no ombro. Fátima está na emissora desde 1987 e nunca faltou às gravações da tradicional vinheta.

No programa, ao vivo, Fátima avisou aos fãs que o encontro anual aconteceu no período em que ela estava se recuperando.

Vale lembrar que, em outubro, ela ficou afastada também do “Encontro”. Na época, a apresentadora da Globo passou por uma artroscopia, uma pequena cirurgia no ombro esquerdo para recuperar o movimento. Ela havia sofrido um rompimento de tendão no músculo supraespinhal.

A apresentadora passou semanas longe do programa para recuperação total. A vinheta de fim de ano da Globo foi gravada justamente em outubro, quando ela ainda não podia participar plenamente, já que as cenas incluem abraços e danças entre amigos.

Fátima comentou que será diferente não aparecer na vinheta de fim de ano. A vinheta de fim de ano de 2021 da Globo estreia nesta quarta, no primeiro intervalo de “Um Lugar ao Sol”.

A volta de Fátima à Globo

No dia 22 de novembro, Fátima Bernardes voltou ao “Encontro”, após ficar seis semanas longe para fazer uma cirurgia no tendão do ombro esquerdo.

Logo na abertura do matinal, a apresentadora foi recebida com flores e contou os detalhes da sua recuperação. “Que bom estar de volta! A gente sai para fazer uma cirurgia, imagina um tempo, mas é difícil. Não é mole, não. Foram seis semanas”, relatou a Fátima, que achava que voltaria ao Projac em quatro semanas.

LEIA TAMBÉM:

Ela explicou o que tem feito para melhorar: “Quatro semanas você passa com uma tipóia. Na verdade, você não pode mexer. É gelo e tipóia. Amanhã vão fazer duas semanas que eu comecei a fazer a movimentação com o braço. Estou evoluindo. Tem uma série de exercícios para fazer, comecei fisioterapia na água. Todo mundo me diz que está indo muito bem, a gente fica ansioso”, disse.

Fátima ainda falou sobre os seus planos futuros, que inclui voltar a praticar um de seus hobbies favoritos. “Esse ano eu tinha programado para começar a aprender uma luta. Mas está adiado para o segundo semestre do ano que vem. Mas eu espero que eu possa voltar a dançar em fevereiro. Essa é a minha meta”.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos