Entretenimento

Dia do Samba é celebrado em São Paulo com rodas de 30 comunidades

Comemoração acontece no Vale do Anhangabaú, com show do grupo Fundo de Quintal

Celebrado dia 2 de dezembro, o Dia Nacional do Samba recebe programação comemorativa da Prefeitura de São Paulo no próximo sábado (4). Rodas de samba de 30 comunidades de todas as regiões da capital paulista se reúnem no Vale do Anhangabaú, a partir das 10h30, gratuitamente.

“Agora, mais do que nunca, devemos comemorar o samba! O nosso patrimônio cultural e imaterial da cidade vai ser apresentado em um grande palco, o novo Vale do Anhangabaú. É a periferia ocupando os palcos centrais da cidade”, comemora a secretária municipal de Cultura, Aline Torres.

Todas as rodas de samba que se apresentam fazem parte do Movimento Paulistano de Comunidades do Samba. Também passa pelo Anhangabaú a velha guarda musical da Camisa Verde e Branco e o grupo Fundo de Quintal.

Comemorações nos centros culturais

Além das rodas de samba no Vale do Anhangabaú, alguns centros culturais da cidade de São Paulo também terão programação especial para celebrar a data.

O Centro Cultural da Juventude - Ruth Cardoso (Av. Dep. Emílio Carlos, 3641 - Vila dos Andrades) recebe nesta quinta (2) shows com Serginho Madureira e Banda Disciplina, tendo como convidado o grupo Amigos da Vila Carolina. Começa às 18h, no calçadão, gratuitamente.

No domingo (5), o CCJ recebe o Samba das Pretas, grupo de seis mulheres de Cidade Tiradentes. Elas cantam músicas de ícones do samba, como Jovelina Pérola Negra, Clementina de Jesus, Leci Brandão, Beth Carvalho e Dona Ivone Lara.

Já o Centro Cultural Tendal da Lapa (R. Guaicurus, 1100 - Água Branca) organiza uma roda de samba do bloco de Carnaval Boêmios da Ipojuca para esta quinta-feira (2).

Por último, o Centro de Culturas Negras - Mãe Sylvia de Oxalá (R. Arsênio Tavolieri, 45 - Jabaquara) apresenta uma live em seu perfil no Instagram, na sexta (3), de Awure, um grupo de samba carioca. No sábado (4), o espaço recebe o Baile do Sagatiba, de samba rock e flashback, com entrada gratuita ao público.

LEIA TAMBÉM:

Confira a programação das comemorações no Vale do Anhangabaú:

10h40 - 11h10: Kolombolo + Samba do tempo

11h20 - 11h50: Samba da cultura + Oficina do Samba

12h00 - 12h30: Samba da Vela + Favela Samba

12h30 - 12h50: Velha Guarda Camisa

13h00 - 13h30: Samba Autêntico + Samba na Laje

13h40 - 14h10: Vila Industrial + Samba da Árvore

14h20 - 14h50: Samba da Vila + Tempo da Onça

15h00 - 15h30: Pagode da Madrinha + Maria Felipa

15h40 - 16h10: Maria Cursi + Batucada do Instituto

16h10 - 16h30: Royce do Cavaco

16h40 - 17h10: Samba do Congo - Balaio do Canjico

17h20 - 17h50: Pagode da Disciplina + Samba Delas

17h50 - 18h10: Fundo de Quintal

18h20 - 18h50: Samba na Feira + Samba da Ribalta

19h00 - 19h30: Resenha de Crioulas + Samba da Praça

19h40 - 20h10: Olaria + Terreiro de Compoitores

20h20 - 20h50: Ybira Samba + Samba do Livro

21h00 - 21h30: Pagode da 27 + Kalu Partideiros

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos