logo
Entretenimento
/ Divulgação / Divulgação
Entretenimento 15/09/2021

Morte de Domingos Montagner completa cinco anos

Carolina Dieckmann, Marcos Palmeira, Isabelle Drummond e Lilia Cabral lembram o artista, que morreu durante as gravações da novela “Velho Chico”

Há cinco anos, o ator Domingos Montagner, um dos protagonistas da novela “Velho Chico”, da Globo, morreu durante as gravações da trama. Segundo o laudo do IML (Instituto Médico Legal), o ator, que tinha 54 anos, morreu por asfixia mecânica causada pelo afogamento.

Para homenagear Domingos, alguns amigos usaram as redes sociais para deixar um depoimento sobre sua partida repentina. Carolina Dieckmann, Marcos Palmeira, Isabelle Drummond e Lilia Cabral deram seus depoimentos e fizeram suas homenagens ao ator. As homenagens foram exibidas durante o programa “Encontro”, desta quarta-feira (15), na Globo. Fátima Bernardes também contabilizou oito participações de Domingos no programa matinal.

Reprodução/Globo

“Domingos viveu intensamente e, apesar da morte, comemoramos a existência desse cara tão importante”, disse Marcos Palmeira. “Era um foguete de luz e amorosidade”, complementou Carolina Dieckmann. “O que ele deixou é um carimbo muito significativo na arte”, resumiu Lilia Cabral.

LEIA MAIS:

Ao site F5, a viúva de Domingos Montagner, Luciana Lima, falou sobre os cinco anos da morte do ator. “Nós crescemos muito como família e ficamos mais próximos. Hoje é muito lindo vê-los (filhos) seguindo a vida”, disse Luciana. 

Na época da morte de Domingos Montagner, os filhos do casal Leo, Antonio e Dante, que tinham 13, 9 e 5 anos respectivamente. “A gente não conseguia pensar como seria dali para frente. E começamos a viver um dia de cada vez para não ficar tão pesado quando fôssemos pensar no futuro. Os amigos, os familiares, a escola e a rotina tiveram um papel fundamental para retomarmos a vida e começar a ressignificar tudo à nossa volta”, afirmou.

Ao longo desses cinco anos, não faltaram homenagens ao artista, que começou no circo e ganhou outros palcos, cativando o público. Em 2010, fez sua primeira novela na Globo e, desde então, foram muitos sucessos na carreira, como o capitão Herculano Araújo, em “Cordel Encantado” e Zyah, em “Salve Jorge”. O ator também trilhou uma bem-sucedida carreira no teatro e no cinema.