logo
Entretenimento
Foto: Reprodução / Foto: Reprodução /
Entretenimento 14/09/2021

[HORROR] Netflix confirma data de estreia da nova série do criador de ‘Maldição da Mansão Bly’

A nova série de Mike Flanagan para a Netflix estreia em setembro, mas não integrará o mesmo universo de ‘Maldição da Residência Hill’ e ‘Maldição da Mansão Bly’. Confira o trailer.

Série chega ao catálogo da Netflix em setembro.

‘Missa da Meia-Noite’ (título original: ‘Midnight Mass’) é a nova série de terror de Mike Flanagan para a Netflix. A trama foca em “uma comunidade que experimenta eventos milagrosos e presságios assustadores após a chegada de um misterioso padre”.

Série entra no catálogo da plataforma dia 24 de setembro e não integrará o mesmo universo de ‘Maldição da Residência Hill’ e ‘Maldição da Mansão Bly’. Confira o trailer divulgado pela Netflix.

Leia mais sobre filmes e séries:

Outros projetos

Mike Flanagan vai produzir outra série de terror para a Netflix. A série ainda está em estágios iniciais de desenvolvimento, com Flanagan e Macy planejando produzir e co-escrever um piloto baseado na HQ ‘Something is killing the kids’, escrita por James Tynion IV e ilustrada por Werther Dell’Edera. A história gira em torno de uma adolescente com um gosto por matar monstros que caçam crianças. 

Na HQ, a trama se desenrola quando as crianças de Archer’s Peak começam a desaparecer. A maioria delas nunca retorna. Enquanto isso, os desaparecimentos são relacionados com histórias de criaturas aterrorizantes que vivem nas sombras. A única esperança de encontrar e eliminar a ameaça é a chegada de um estranho misterioso, que acredita nas crianças e afirma ver o que elas podem ver. O nome dela é Erica Slaughter. Ela mata monstros. 

A série parece interessar a Netflix após o sucesso de ‘Maldição da Residência Hill’ e de ‘Maldição da Mansão Bly’. Antes do lançamento da HQ ‘Something is killing the kids’, em setembro de 2019, a antecipação do pré-lançamento gerou tanto interesse que a HQ mudou de uma série limitada para uma contínua. A história de Erica ressoou com o público em todo o mundo, foi traduzida para 10 idiomas e também recebeu uma indicação para o prêmio Eisner de Melhor Nova Série em 2020.