logo
Foto: Reprodução Instagram / Foto: Reprodução Instagram /
Entretenimento 08/06/2021

Phoebe Dynevor e Regé Jean-Page comentam cena de sexo em ‘Bridgerton’

“Trabalhamos para que todos sentissem como se estivéssemos realmente apaixonados”, disse Phoebe Dynevor, a Daphne de ‘Bridgerton’.

Os atores Regé Jean-Page e Phoebe Dynevor, Simon e Daphne de ‘Bridgerton’ respectivamente, estiveram juntos em uma transmissão online para falar sobre a primeira temporada da série original da Netflix. Confira o que eles conversaram.

A coluna “Making a Scene”, da Variety, trouxe desta vez Regé Jean-Page e Phoebe Dynevor, além de Sheree Folkson e Kris Bowers, atores, diretora e compositor de ‘Bridgerton’, respectivamente, para comentar uma das cenas mais íntimas da série e a fala dos personagens, que chamou a atenção de fãs em todo o mundo. 

“Você não tem ideia de quais falas as pessoas vão se importar”, revelou Phoebe enquanto lembrava da cena na qual sua personagem, Daphne Bridgerton, está em sua noite de núpcias.  A cena em questão acontece no quinto episódio da primeira temporada, intitulado “O Duque e Eu”.  Essa cena é tratada carinhosamente pelos fãs da série como a cena “I’m burn for you” (em tradução livre: “Eu queimo por você”), que é justamente uma das falas da personagem de Phoebe.

Erroneamente, os fãs atribuíram a fala ao personagem de Regé Jean-Page, o Duque de Hastings, que fez questão de dizer que não tinha sido ele quem havia dito tal fala. “Todos estavam claramente se sentindo muito “quentes”, o que considero um elogio”, disse rindo.

Ele pontuou que a cena causou uma espécie de “memória coletiva” nos fãs de forma errônea e acabou sendo usada em “efeito Mandela”, expressão usada quando uma fala é atribuída a algum personagem da ficção ou da realidade, mas não exatamente foi dita por esta pessoa.

Leia mais sobre filmes e séries:


Entre risos e falando sobre os diálogos durante as cenas de sexo, Phoebe explicou: “A chave para um diálogo como esse é torná-lo o mais orgânico e real possível. Não há outra maneira de brincar de dizer uma frase como essa do que torná-la um sentimento interior”.

“Eu e Regé tínhamos uma relação profissional excelente e trabalhamos muito para que todos se sentissem como se estivéssemos realmente apaixonados. E acho que conseguimos fazer isso, então isso é bom”, finalizou Phoebe.

Phoebe está acostumada aos debates online sobre ‘Bridgerton’

No começo de junho, Phoebe Dynevor se reuniu com as colegas de elenco Claudia Jessie e Nicola Coughlan para falar sobre o sucesso de ‘Bridgerton’ como convidadas de uma fundação que apoia artistas nos Estados Unidos.

A conversa foi bem-humorada e Phoebe, que interpreta Daphne Bridgerton na série, disse: “Bridgerton chegou em um momento em que as pessoas precisavam de uma fuga da realidade. E esta série foi realmente este alívio. Vimos um mundo de ficção, fantasia, alta sociedade, onde tudo é glamoroso, fascinante, surpreendente. Bridgerton é uma mistura de romance, roteiros incríveis, trajes incríveis e cenários incríveis. Todos os personagens da série têm peculiaridades e as histórias individuais são maravilhosamente diferentes”.

Quando questionada sobre as cenas de sexo na série, Phoebe disse: “Fiquei animada para retratar este tema a partir de um olhar feminino. Eu não tinha ouvido falar disso antes em produções similares. E o prazer feminino, que é algo novo, aparentemente. Achei que era uma mensagem importante”.

O que sabemos sobre a segunda temporada

A segunda temporada, como já sabemos, vai se concentrar em outro Bridgerton, no irmão de Daphne, Anthony Bridgerton. O personagem, interpretado por Jonathan Bailey, também viverá seu romance particular e terá como par romântico Kate Sharma, vivida por Simone Ashley de ‘Sex Education’.

Além disso, outros personagens se unirão à trama: Shelley Conn, Rupert Young e Calam Lynch. Shelley será Mary Sharma, filha de um conde, cuja família se envolveu em um escândalo matrimonial. Lady Mary, como é conhecida, é mãe de Kate e Mary e volta a Londres com suas filhas e tem que conviver com o julgamento das damas da sociedade londrina.

Outra novidade da segunda temporada é que o patriarca dos Bridgertons voltará. Por meio de flashbacks, Rupert Evans interpretará Edmund Bridgerton, marido de Violet Bridgerton (Ruth Gemmell) e pai de todo o clã Bridgerton. A Netflix descreve o personagem como “um marido amoroso e dedicado, cuja verdadeira união de amor com Violet Bridgerton deu a eles oito filhos perfeitos. Ele também é um pai infinitamente paciente e gentil, que tem um orgulho especial em guiar seu filho mais velho Anthony ao longo da vida”.

A segunda temporada de ‘Bridgerton’ tinha estreia prevista para dezembro de 2021, mas como as gravações foram adiadas para começar em março de 2021, é possível que os novos episódios estejam disponíveis em meados de 2022. A expectativa é de que seja entre os meses de junho e julho.