logo
Foto: Reprodução New Line Cinema /
Entretenimento 21/04/2021

Série ‘O Senhor dos Anéis’ vai custar mais de meio bilhão à Amazon

Sem ter liberado nenhum episódio, a Amazon Studios já gastou o que ‘Game Of Thrones’ investiu em dez anos.

Super série da Amazon Studios já superou o orçamento de ‘Game of Thrones’ sem ter exibido nenhum capítulo sequer.

O ministro do Desenvolvimento Econômico da Nova Zelândia, Stuart Nash, anunciou durante uma entrevista à Radio New Zeland que a Amazon já gastou cerca de US$ 468 milhões de dólares na produção da primeira temporada da série ‘O Senhor dos Anéis’. Nash tem essa informação porque a Nova Zelândia está concedendo uma parte dessa quantia, cerca de US$ 115 milhões de dólares, em forma de subsídio. 

O subsídio é parte de um amplo acordo entre a Nova Zelândia e a Amazon projetado para alavancar a produção cinematográfica para impulsionar a economia da Nova Zelândia ao longo de uma década. Como parte do acordo, a Amazon concordou em treinar trabalhadores da Nova Zelândia, lançando um programa de inovação e fazendo parcerias com empresas da Nova Zelândia em projetos que vão desde saúde a drones, de acordo com Stuff.

A Amazon também se comprometeu que 90% da equipe da série e 20% do elenco seriam cidadãos do país. Isso também permitirá que o governo da Nova Zelândia use imagens da série para promover o turismo pós-pandemia no mundo.

Leia mais sobre filmes e séries

Além disso, a Amazon já pagou cerca de US$ 250 milhões ao espólio de J. R. R. Tolkien pelos direitos de roteiro da história. Ao todo, a empresa já gastou pouco mais de meio bilhão de dólares sem um único episódio ir ao ar.

Stuart Nash disse que a quantidade de dinheiro investida na produção da primeira temporada da série deve superar os investimentos previstos para as demais temporadas, isso porque uma grade parte desse dinheiro foi empregado na criação de cenários, fantasias e adereços que serão usados ​​ao longo de toda a gravação.

“O momento deste trabalho provavelmente coincidirá com a reabertura das fronteiras internacionais para fins de viagens de lazer e criará um veículo oportuno para manter a marca da Nova Zelândia viva nas mentes dos futuros viajantes internacionais”, disse o documento, de acordo com a RNZ. 

A Nova Zelândia experimentou um aumento de 40% no número de turistas, de 1,7 para 2,4 milhões de visitantes anuais, entre 2000 e 2006, depois que a trilogia do filme ‘O Senhor dos Anéis’, de Peter Jackson, foi filmada lá.

Em nível de comparação, para produzir ‘Game of Thrones’ a HBO gastou cerca de US$ 650 milhões ao longo de dez anos de produção.

Sobre a série

De acordo com o Amazon Prime Video: “Ambientada na Terra-Média, a adaptação televisiva vai explorar novas tramas antecedendo A Sociedade do Anel, de J.R.R. Tolkien”. A expectativa é que sejam contadas as histórias da Segunda Era da Terra Média, incluindo momentos como a ascensão de Sauron e a forja dos Anéis de Poder.

A série terá cinco temporadas, com a possibilidade de uma série derivada para produção posterior. Além disso, especula-se que a primeira temporada mostre o jovem Aragorn.

Sinopse

No início de fevereiro, o site especializado TheOneRing.Net divulgou uma sinopse da série. “A vindoura série da Amazon Studios levará às telas, pela primeira vez, os lendários heróis da Segunda Era da Terra Média. O drama épico se passa milhares de anos antes dos eventos de O Hobbit e O Senhor dos Anéis, de J.R.R. Tolkien, e levará os espectadores à uma era em que grandes poderes foram forjados, reinos ascenderam à glória e caíram em ruínas, improváveis heróis foram testados, a esperança esteve por um fio e o maior vilão que já saiu da caneta de Tolkien ameaçava cobrir todo o mundo em escuridão.

Se iniciando em um tempo de relativa paz, a série segue uma série de personagens, tanto familiares quanto novos, enquanto eles confrontam um mal histórico que ressurgiu na Terra Média. Das profundezas das Montanhas Nebulosas, até as florestas majestosas da capital elfa de Lindon, e a magnífica ilha do reino de Numenor até o fim do mapa, estes reinos e personagens deixarão legados que permanecerão muito além de suas vidas.”

Tudo indica a presença de novos personagens e também outros já familiares dos fãs das obras de Tolkien. Alguns inclusive já foram vistos nas trilogias “O Senhor dos Anéis” e “O Hobbit”.