logo
/ Foto: Reprodução Instagram @clarencehouse / Foto: Reprodução Instagram @clarencehouse
Entretenimento 21/04/2021

Após conversa com a Rainha, Príncipe Harry volta para os Estados Unidos

O Príncipe Harry também teria conversado com seu pai e irmão sobre os rumos da Família Real após a morte do avô, Príncipe Philip.

Depois de estar presente no funeral do avô, o Príncipe Harry voltou para os Estados Unidos, onde está Meghan Markle e o filho Archie. Ele se reuniu com a Rainha Elizabeth, Príncipe Charles e Príncipe William.

O Príncipe Harry retornou na última terça-feira, 20, à Califórnia após ter participado do funeral do seu avô, o Príncipe Philip, realizado no sábado, 17. Ele volta aos Estados Unidos para estar ao lado da esposa, Meghan Markle, que está nos meses finais da gravidez. O casal real espera seu segundo filho, que será uma menina e nascerá entre os meses de junho e setembro.

O jornalista norte-americano especialista em Família Real britânica Omid Scobie, da revista Baazar, divulgou que o Duque de Sussex teria se reunido com a Rainha Elizabeth pelo menos duas vezes antes de voltar aos Estados Unidos. A ida do Príncipe Harry ao Reino Unido também foi o primeiro encontro dele com os demais membros da família após a entrevista polêmica dada por ele e por Meghan Markle à apresentadora Oprah Winfrey no início de março.

Dentre outras coisas, o casal real falou sobre os motivos que os levaram a deixar a família como membros sêniores, o que foi mal recebido tanto pela Rainha, quanto pelo pai e irmão de Harry, Príncipes Charles e William respectivamente. Um dos pontos mais polêmicos foi a revelação de comentários racistas sobre o tom da pele do filho primogênito dos dois, Archie.

Leia mais sobre a Família Real britânica:

O repórter e co-autor da biografia ‘Finding Freedom’ escreveu no site Bazaar.com: “O amor e o respeito que ele tem por sua avó serão sempre inabaláveis. Esta viagem foi para homenagear a vida de seu avô e apoiar sua avó e parentes. Foi um período muito focado na família. O sábado quebrou o gelo para futuras conversas, mas as questões pendentes não foram tratadas em grande extensão. A família simplesmente colocou seus problemas de lado para se concentrar no que era importante”. O livro ‘Finding Freedom’ conta a história da decisão dos Sussex de se afastar da realeza. 

O jornalista confirmou que Harry ficou em Frogmore Cottage, nos terrenos do Castelo de Windsor, enquanto ele estava em quarentena. Harry viu vários membros da família, disse uma fonte a Scobie, incluindo a princesa Eugenie e seu filho recém-nascido.

Ele também teve as primeiras conversas cara a cara com seu pai e irmão desde que oficialmente deixou o cargo de membro da realeza no ano passado. De acordo com o tablóide britânico The Sun, fontes próximas à Família Real confirmaram que Harry teve uma reunião com os dois antes de voltar para casa. 

Essa conversa teria acontecido em uma caminhada pelos jardins do Castelo de Windsor e envolveu o pai e os dois filhos. Eles teriam discutido o futuro da família e o papel de Harry dentro dela antes de Charles e William liderarem as decisões importantes após a morte de Príncipe Philip. Ainda de acordo com as fontes do The Sun, Charles e William insistiram em conversar juntos com Harry, ao invés de marcarem duas reuniões separadas.

Os pedidos do Príncipe Philip

A conversa de Harry com o pai e o irmão pode ter estreita ligação com os pedidos feitos pelo Príncipe Philip antes de morrer. A informação foi divulgada por Arthur Edwards, fotógrafo da Família Real britânica em entrevista ao canal britânico ITV, se referindo à visita que o Príncipe Charles fez ao pai enquanto estava internado no Hospital King Edward VII. “Ele deve ter sido muito franco sobre o que esperava do seu funeral. Acho que o Duque sabia que estava próximo da morte e precisou instruir o seu filho primogênito”, disse Edwards.

De acordo com Edwards, que também fotografou o funeral no último sábado, 17, o Príncipe Philip teria pedido três coisas a seu filho mais velho antes de morrer e, entre seus pedidos finais, ele teria aconselhado Charles a cuidar da Rainha quando ele partisse. 

Sobre o funeral no sábado, Edwards disse ter acompanhado de perto mais um acontecimento marcante da realeza britânica. Sobre o Príncipe Charles, ele disse: “Claro que tudo estava passando por sua cabeça. Deve ter sido muito ruim para ele. Não apenas para ele, mas para Andrew, Edward e Anne. O Príncipe Philip foi um bom pai, ele foi um pai incrível”.

O segundo desejo de Philip, de acordo com as fontes de Edwards, seria que Charles deveria liderar a Família Real nos próximos anos. E, como terceiro pedido, Philip teria pedido para voltar para casa, para que pudesse morrer em sua própria cama, atrás das muralhas de sua residência oficial, o Castelo de Windsor. “A rainha é o chefe de Estado, mas Philip sempre foi o chefe da família e tomava todas as grandes decisões. Ela perdeu todos os seus membros próximos (da família), a rainha-mãe, é claro, sua irmã e agora seu adorável marido”, finalizou.