Remédio ou placebo? Foo Fighters joga seguro em novo álbum

Por Metro

Tudo o que se espera de um álbum do Foo Fighters está presente em “Medicine at Midnight”, décimo registro de estúdio, lançado neste mês pelo grupo: as conversas entre as guitarras, os refrões grandiosos, as nuances na voz de Dave Grohl e o equilíbrio entre faixas mais agitadas e outras mais lentas.

Gravado entre o fim de 2019 e o início de 2020, o disco teve seu lançamento adiado durante a pandemia, com a divulgação começando no fim do ano passado. Primeiro veio a misteriosa “Shame Shame”; depois, a agressiva “No Son of Mine”, que bebe na fonte do Motörhead e é homenagem a Lemmy Kilmister, morto em 2015. O single mais recente, “Waiting on a War”, segue a estrutura do hit “Walk”, lançado há uma década, mas demora demais para atingir o ápice.

Ao público em geral, “Medicine at Midnight” soa familiar e não surpreende na sonoridade, mesmo buscando uma temática mais dançante. O experimento é sutil e, após nove faixas em 37 minutos, não tira a pecha da banda de “mais do mesmo”. O que não é necessariamente ruim. A música “Holding Poison”, por exemplo, é quase uma caricatura ao abusar da fórmula que consolidou o Foo Fighters nas últimas décadas. Ainda assim, é uma das melhores do disco.

A faixa-título, que mais embarca no rock dançante, é outra que funciona, assim como “Love Dies Young” com melodia alegre e versos sobre a incerteza do amor. Já a pouco inspirada balada “Chasing Birds” e a forçada “Cloudspotter” são esquecíveis, sendo facilmente substituídas por outros sucessos do grupo. Na abertura, “Making a Fire” mostra potencial em ritmo quebrado, mas se arrasta por um coro evitável.

Com todos os defeitos, “Medicine at Midnight” ainda é o álbum mais consistente do Foo Fighters desde “Wasting Light” (2011). Ao jogar seguro, porém, serve mais como um placebo do que um remédio, já que sua eficácia depende da crença do ouvinte. Com o novo álbum, selecionamos 5 itens do Foo Fighters para quem é fã ou quer conhecer melhor o trabalho da banda. Confira:

1. Medicine at Midnight (CD de áudio) – Compre a partir de R$ 159,00.



2. Foo Fighters: learning to fly (Biografia) – Compre a partir de R$ 14,90.



3. Camiseta Foo Fighters In Your Honor – Compre a partir de R$ 64,99.



4. Foo Fighters Greatest Hits [Disco de Vinil] – Compre a partir de R$ 269,00.



5. Foo Fighters Sonic Highways (DVD) – Compre a partir de R$ 37,88.



*Seja um assinante Amazon Prime: você terá frete grátis ilimitado e ainda poderá usufruir do canal de entretenimento que disponibiliza filmes, séries, músicas e muito mais por apenas R$ 9,90 ao mês. Faça o teste gratuitamente por 30 dias.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

O Metro World News pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página. Os preços informados e a quantidade disponível condizem com os do momento da publicação deste post.

Loading...
Revisa el siguiente artículo