'Malcolm & Marie' consolida Zendaya como uma das principais atrizes de sua geração

Filme da Netflix foi produzido a toque de caixa em plena pandemia pela mesma equipe da série ‘Euphoria’

Por Metro

A quarentena chegou para Zendaya Coleman um dia antes do início das filmagens da segunda temporada de “Euphoria”. Na controversa série da HBO, a atriz de 24 anos teve a grande chance para se desvencilhar da imagem de garota Disney Channel, onde estrelou “Shake it up” e “K.C. Undercover”.

No entanto, não era hora de se despedir da equipe. A atriz pediu a Sam Levinson, criador da série, que escrevesse algo que mantivesse a turma dos bastidores, a mais atingida pela crise, empregada. Nascia então o projeto do longa-metragem “Malcolm & Marie”, já disponível na Netflix, que consolida Zendaya como um dos principais nomes de sua geração.

Filmado entre junho e julho de 2020, o drama foi feito sob medida para um set reduzido, exigência para retomada da produção em um momento em que os casos de covid-19 haviam diminuído nos Estados Unidos. Em cena, dirigidos por Levinson, apenas Zendaya e John David Washington (de “Infiltrado na Klan” e “Tenet”) nos papéis título. Eles também são coprodutores do filme.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Todos os envolvidos fizeram uma quarentena bastante restrita antes de ocupar a mansão onde a ação se desenvolve. E, como só poderia haver apenas 12 pessoas em estúdio, a própria Zendaya cuidou de sua maquiagem e penteados, algo quase impensável quando se fala em Hollywood. Rodado em preto e branco, o filme foi exibido em salas de cinema no fim de janeiro para poder ser considerado nas premiações posteriormente.

Na trama, Malcolm, um diretor de cinema em ascensão, acaba de lançar uma produção bastante elogiada. Como ele se esqueceu de agradecer publicamente a parceira, Marie, começa então uma grande DR (discussão de relacionamento).

A ideia para o roteiro surgiu de uma conversa entre Sam Levinson e a mulher, Ashley, que também produz o filme. “Começamos a rir, porque eu devo ter feito isso [esquecer de agradecer à esposa] em algum momento”, disse ele em entrevista à ABC. O filme independente, que custou US$ 2,5 milhões, segundo o site Deadline, foi arrematado por US$ 30 milhões pela Netflix.

Esse também é o primeiro papel “adulto” para Zendaya. Rue, a protagonista de “Euphoria”, é uma dependente química que já passou um bocado na vida, mas ainda está no ensino médio. Marie, escrita para ela, representa mudanças.

“Era meu papel dos sonhos. Não podia acreditar que eu poderia interpretá-la da maneira que eu desejava e que não devia dar satisfações a ninguém além das pessoas que estão trabalhando comigo todos os dias”, afirmou.

Loading...
Revisa el siguiente artículo