Maglore regrava single com Fernanda Takai e John Ulhoa

Por Metro World News

Em “Todas as Bandeiras”, álbum lançado em 2017, o Maglore resolveu tirar, de última hora, a faixa “Não Existe Saudade No Cosmos”, que já estava praticamente finalizada. Apesar dessa “esnobada”, a canção acabou se tornando um dos destaques do disco “Amor é Isso”, de ninguém menos que Erasmo Carlos, no ano seguinte.

Mas a banda baiana não desistiu de apresentar sua própria versão da composição, assinada pelo vocalista e guitarrista Teago Oliveira. Já está disponível nas plataformas digitais a nova roupagem da música, que ganhou, durante a pandemia,  participação especial de Fernanda Takai e John Ulhoa, o casal à frente do Pato Fu.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Vale Outubro

A banda, que além de Teago é formada por Felipe Dieder (bateria), Lelo Brandão (guitarra, synth e voz) e Lucas Gonçalves (baixo e voz), fez a parceria acontecer à distância, a forma mais corriqueira de colaboração em tempos de distanciamento social.

A música demorou três anos para ter uma chance graças a uma “implicância” de seu autor, que admite que tentou sabotá-la depois que a ouviu muitas vezes.

Loading...
Revisa el siguiente artículo