A série da Netflix em que as festas terminam tão mal quanto em 'Game Of Thrones'

Por Victória Bravo

Em acontecimentos como assassinato de Joffrey Baratheon e o sanguinário “Casamento Vermelho”, “Game Of Thrones” provou que até mesmo as festas em família podem terminar muito mal. No entanto, uma série da Netflix também mostra que as celebrações saem do controle longe dos sete reinos.

gif Reprodução / Giphy

Trata-se de Peaky Blinders, uma produção britânica com cinco temporadas disponíveis na Netflix e uma sexta confirmada, mas sem data de início das gravações definidas devido à pandemia de coronavírus.

A série que acumula nota 8,8 no IMDb, é ambientada em 1919 em Birmingham, na Inglaterra, onde uma gangue e seu líder Tommy Shelby, vivem de assaltos, extorsões e apostas. No entanto, as coisas começam a mudar para essa família de gângsteres quando um novo chefe de polícia chega determinado a limpar as ruas de Birmingham dos criminosos e revolucionários.

gif Reprodução / Giphy

Envolvida com as mais diversas máfias, qualquer casamento, gala ou evento em que família  Shelby esteja presente pode se tornar um problema. No entanto, no decorrer da trama, a série mostra que até mesmos ferimentos muito fatais podem não matar um personagem importante.

O drama policial é baseado em uma história real, quando após a Primeira Guerra Mundial um grupo da classe trabalhadora britânica, composto em grande parte por jovens de classe baixa a média, montou uma quadrilha altamente organizada com seus próprios sistemas de hierarquia e até vestimenta característica.

Loading...
Revisa el siguiente artículo