Jornalista comenta documentos de denúncias de estupro contra Felipe Prior

Por Portal da Band, com Melhor da Tarde

A jornalista Cíntia Lima teve acesso aos documentos sobre as denúncias contra o ex-BBB Felipe Prior, assunto debatido no Melhor da Tarde na última sexta-feira, 3, após a revista Marie Claire divulgar as acusações de estupro e uma tentativa de estupro.

Nesta segunda, 6, com a ajuda do jornalista Erlan Bastos, da TV Meio Norte, o programa apontou algumas contradições no caso. Cíntia revelou que Erlan conseguiu todos os documentos e os repassou para a produção do Melhor da Tarde, durante o final de semana.

Leia mais:
Pedro Rocha, repórter da Globo e filho de Fernando Rocha, é diagnosticado com covid-19
Episódio especial de série é feito com Zoom, FaceTime e elenco em casa

"Existem alguns pontos muito fortes de contradição", apontou a jornalista. Sobre os relatos de 2014, a suposta primeira vítima conversou com o Prior, de maneira amistosa, logo após o suposto estupro.

"Você está bem?", Prior teria perguntado em suposta conversa com a vítima. Ela teria respondido: "Não muito. Tive que ir ao hospital". Ele teria insistido: "Mas e aí? Sabe o que aconteceu? Precisa de alguma coisa? Estou preocupado". O suposto diálogo também foi divulgado por Erlan.

Outra contradição que a Cíntia elencou é que não existe um laudo médico sobre um corte de 3 cm na genitália da suposta vítima. O documento hospitalar em questão é um prontuário sobre uma garota que teve um pequeno corte no lábio esquerdo da vagina, proveniente de um ato sexual normal, sem sangramento ativo. A paciente estava na companhia da mãe.

Outro ponto levantado no programa é que não existe inquérito sobre as denúncias. Após as vítimas terem feito a denúncia, a polícia pode – com um caso robusto em mãos –, enviá-lo para que o Ministério Público aceite ou não à denúncia. Depois de tudo isso, caberá ao juiz decidir pela condenação ou absolvição do réu.

Ainda na sexta-feira, 3, Prior publicou um vídeo em que nega as acusações de estupro e de tentativa de estupro. O arquiteto disse estar muito chateado e que os advogados já foram acionados para analisar as denúncias, alegando que elas só foram feitas após a entrada dele no reality show da Globo.

"O que me deixa mais chateado é saber que depois que eu entrei na casa as pessoas apresentaram uma denúncia pesada contra mim. Meus advogados estão tomando todas as providências. Eu também gostaria de dizer ao público que todo o carinho que eles estão me passando está me deixando mais forte. E é isso que é importante para mim. Minha consciência está tranquila", afirmou ex-BBB.

Loading...
Revisa el siguiente artículo