Entretenimento

Cris Vianna e Bruno Gagliasso se posicionam contra William Waack: ‘racismo revelado’

Nem os artistas globais se privaram de tecer críticas  a William Waack depois que um vídeo vazado na última quarta-feira (8) mostrou o jornalista proferindo uma frase racista nos bastidores de uma transmissão ao vivo. O jornalista, âncora do «Jornal da Globo», foi afastado do cargo no mesmo dia.

Leia mais:
William Waack é afastado do Jornal da Globo por suposto comentário racista
William Waack é alvo de críticas por comentário racista em vídeo vazado; assista

Cris Vianna, uma das competidoras da «Dança dos Famosos», compartilhou o vídeo e comentou: «Quando o racismo ‘velado’ é REVELADO. É racismo sim» com as hashtags #racistasnãopassarão #racismoécrime.

Bruno Gagliasso, que já rebateu comentários racistas em fotos suas com a filha Titi, concordou com a amiga, e completou. «Racista e machista» #nãopassarão

Entenda o caso

O vídeo vazado foi gravado exatamente há um ano, durante a cobertura das eleições norte-americanas que escolheram Donald Trump como presidente. O material chegou ao Twitter na tarde quarta.

Waack estava ao lado de Paulo Sotero, diretor do Brazil Institute no Woodrow Wilson International Center for Scholars, que comentaria o pleito, quando um carro começou a buzinar próximo de onde estavam. «Está buzinado por quê, seu m… do c…?», depois, já virando para Sotero, exclamou. «Não vou nem falar o que ele é… é preto. É coisa de preto», completou.

Na noite de quarta-feira, a Globo soltou o comunicado afirmando que o jornalista seria afastado do comando do «Jornal da Globo» até que os fatos fossem averiguados.

 

 

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos