Entretenimento

Em ‘Witness’, Katy Perry mistura tons sombrios à sonoridade pop ‘açucarada’

“Bon appétit”, canta Katy Perry em uma faixa de mesmo título cujo clipe mostra a cantora sendo cortada em pedaços e servida à audiência. É quase isso que ela faz em seu novo álbum, “Witness”, que chegou às lojas paralelamente a um reality show que acompanhou a rotina da cantora ao longo de quatro dias de transmissão ao vivo. Mesmo em uma das fases mais sombrias de sua carreira, Katy não tem nada a esconder.

Se no maior sucesso de sua carreira, “Teenage Dream” (2010), Katy emplacou cinco hits no topo das paradas cantando sobre o amor e belas paisagens, agora a cantora expõe com mais crueza e autenticidade uma visão agressiva de si mesma.

Katy Perry anda desesperançada. Após colecionar uma série de amores falidos e ver Donald Trump vencer a eleição nos EUA – ela foi a artista que fez campanha mais intensamente para a adversária dele, Hilary Clinton –, Katy parte para a luta.

Apesar de todas as 15 canções do álbum manterem o potencial radiofônico, elas abandonam o pop chiclete e de refrões repetidos pelos quais Katy era conhecida. As três melhores canções do álbum, “Roulette”, “Swish Swish” (parceria com Nicki Minaj e uma provocação contra sua rival do pop, Taylor Swift) e “Dèja Vu”, apresentadas em sequência da faixa três à cinco, mostram que ela está mais próxima agora da house music.

Embora se mantenha dançante, quer fazer seu público pensar por meio de letras provocativas, como “estamos surdos? continuamos varrendo tudo para baixo do tapete” (tradução livre), ouvido em “Chained To The Rythm”, single de divulgação do álbum e a música mais próxima em “Witness” do que a cantora costumava fazer antes.

Além das inovações do próprio disco, Katy também surpreendeu ao criar um reality show sobre si mesma para divulgá-lo. Na transmissão, ocorrida pelo YouTube, a cantora expôs a vida pessoal: falou de tentativas de suicídio, de seus namoros fracassados com famosos e da briga com Taylor, enquanto fazia panquecas e recebia famosos. Katy perdeu as papas na língua – e os fãs estão mais agradecidos do que nunca.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos