Entretenimento

Cissa Guimarães condena sentença de jovem que matou seu filho há seis anos

Cissa Guimarães postou no Instagram nesta última terça, 3, um desabafo sobre a sentença recebida pelo homem que atropelou e matou seu filho, Rafael Mascarenhas, em 2010.

«Saio do julgamento do processo do meu filho Rafael #rafaelmascarenhas #rafiusk #anjorafael com o peso da sentença: 3 anos e alguns meses de serviço comunitário para homicídio, para o atropelador/assassino do meu filho. 3 anos e alguns meses de serviço comunitário para corrupção, para o pai do atropelador/assassino do meu filho. Ficarão livres prestando serviços comunitários. Fico pensando que depois de terem feito isto, que serviços comunitários perigosos essas pessoas prestarão à nossa sociedade. Medo. Tristeza. Injustiça», afirmou.

Leia mais:
Justin Bieber causa polêmica ao posar com tigre em festa de aniversário
Equipe de ‘Criminal Minds’ ganha trânsito internacional em spin-off

«Agradeço com o que restou do meu coração a todas as manifestações de apoio, carinho e respeito que eu e minha família sempre recebemos nestes 6 anos sem nosso Rafa. Como diz Guimarães Rosa, ‘viver é muito perigoso’. MUITA LUZZZZZ para nós! SALVE RAFAEL!!!!#paz #gratidão», continuou.

No primeiro julgamento, Rafael de Souza Bussamra, que dirigia o carro em alta velocidade em área fechada para o trânsito, foi condenado a sete anos de prisão em regime fechado e mais cinco anos e nove meses em regime semiberto.

Já Roberto Bussamra, pai do jovem, recebeu pena de oito anos em regime fechado e nove meses em semiaberto por pagar propina a dois policiais militares para desfazer o local do acidente e evitar a prisão em flagrante de Rafael.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos