Entretenimento

MasterChef Júnior: ‘É a prova mais fantástica que tem’, diz Sofia

A participante Sofia surpreendeu a todos no MasterChef Júnior ao vencer os três desafios da Caixa Misteriosa da primeira edição brasileira do programa. Com pratos bem elaborados, ela arrancou elogios dos jurados Paola Carosella, Henrique Fogaça e Erick Jacquin em diversas oportunidades.

«Quando eu me inscrevi, eu me inscrevi para ter desafios em uma coisa que eu amo – e que eu sempre vou amar – que é a culinária. Eu tinha poucas expectativas, na verdade. Eu não achava que eu iria ganhar uma prova sequer», contou Sofia ao Portal da Band.

«Quando eu me dei conta, eu tinha vencido os desafios que eu acho que são os mais complicados. Foi uma sensação muito legal, porque eu não esperava nem entrar no programa. Significou muito para mim chegar lá, ser eu mesma e vencer essas provas. Fiquei muito feliz», garantiu.

No primeiro desafio (veja abaixo), Sofia foi bastante elogiada por seu papelote de namorado com batata rostie e farofa de banana da terra e manga. Ao ser avaliada, ela ficou bastante insegura devido a apresentação mais rústica do prato e temeu não agradar aos chefs, principalmente Jacquin, por seu estilo mais rústico. No entanto, ela tentou manter a calma em todos os momentos.

[cultura-embed src=»http://player.mais.uol.com.br/player_video_v2_band.swf?mediaId=15658484&tv=1&p=editoruol» type=»application/x-shockwave-flash» height=»315″ width=»560″]

«Quando eu sabia que era um desafio da Caixa Misteriosa, eu tentava não ficar nervosa. Os jurados querem ver o seu repertório culinário, ver o que você pode proporcionar a eles com aqueles ingredientes. No geral, eu tentava fazer algo seguro, receitas que eu já tinha feito. Coisas que eu gosto de comer e que eu também gosto de fazer», explicou Sofia.

«É um desafio legal porque, além do mistério, quando você ganha, significa que você sabe cozinhar mesmo. É mérito meu. Se você ganha, quer dizer que você conhece bem de culinária. Vencer foi um mérito muito especial», completou a participante mirim que surpreendeu na segunda Caixa Misteriosa da temporada (assista abaixo) ao preparar uma deliciosa sardinha defumada com coulis de pimentão e quiabo grelhado. Além do sabor, a cozinheira mostrou muita técnica ao filetar a sardinha e caprichou na apresentação do prato.

[cultura-embed src=»http://player.mais.uol.com.br/player_video_v2_band.swf?mediaId=15673353&tv=1&p=editoruol» type=»application/x-shockwave-flash» height=»315″ width=»560″]

«Minha dica para quem for enfrentar o desafio da Caixa Misteriosa, de dentro do coração, é ser você mesmo. Arrisque, mas não arrisque muito. É um momento em que você precisa ouvir o seu coração e não a sua cabeça. Você não precisa fazer uma coisa cabulosa. Tem que ser algo que agrade aos chefs, mas também algo que você saiba fazer», sugeriu Sofia.

«Aproveite o momento, trabalhe com felicidade, amor e carinho. É importante que a pessoa esteja focada, relaxada e tudo dará certo. A Caixa Misteriosa é a prova mais fantástica que tem no MasterChef, no mundo inteiro. Então, não dá para ter nervosismo. Aproveite para mostrar sua personalidade, seja você e use seu coração que vai dar tudo certo», completou a cozinheira mirim que venceu o último desafio (confira o vídeo abaixo) ao fazer um magret de pato com purê de maçã verde e refogado de legumes.

[cultura-embed src=»http://player.mais.uol.com.br/player_video_v2_band.swf?mediaId=15688310&tv=1&p=editoruol» type=»application/x-shockwave-flash» height=»315″ width=»560″]

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos