Entretenimento

Fundador do YouTube terá de pagar 440 mil dólares para Kim Kardashian e Kanye West

O casal Kim Kardashian e Kanye West chegou a um acordo monetário com o fundador do YouTube, Chad Hurley, que foi processado por eles no final de 2013.

Hurley violou a privacidade dos dois ao publicar um vídeo com o pedido de casamento que foi feito no estádio AT & T, em San Francisco – local em que ele entrou escondido.

O empresário tinha assinado um acordo de confidencialidade quando foi descoberto, pois Kim Kardashian tinha decidido publicar as imagens exclusivamente em seu programa «Keeping up with the Kardashians». No entanto, ele violou o acordo e publicou as imagens na página de sua nova empresa, MixBit.

De acordo com informações do «TMZ», o casal agora ganhou a ação judicial e Hurley terá de pagar a eles um total de 440 mil dólares nos próximos dias.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos