logo
Entretenimento
Entretenimento 10/04/2015

‘Demolidor’ é primeira das quatro séries originais do Netflix com personagens da gigante das HQs

Charlie Cox (acima) vive o super-herói cego que se vale do apuro dos outros sentidos para combater o crime  | Divulgação

Charlie Cox (acima) vive o super-herói cego que se vale do apuro dos outros sentidos para combater o crime | Divulgação

O mundo geek dá mais um passo para se tornar predominante na cultura pop com a estreia dos 13 episódios da primeira temporada de “Demolidor”, nesta sexta, no Netflix.

A produção original é a primeira das quatro encomendadas pela Marvel ao serviço de streaming em torno de seus heróis – os outros são Jessica Jones, Punho de Ferro e Luke Cage.

Com isso, as adaptações de HQs, que têm rendido bilhões de dólares no cinema, em filmes como “Os Vingadores”, e na TV, com séries como “Agents of S.H.I.E.L.D”, passam a desbravar uma nova fronteira ao mirar em uma geração que consome cultura em várias plataformas ao mesmo tempo.

“Demolidor” é baseado no personagem criado por Stan Lee e Bill Everett em 1964. Advogado bem sucedido, morador do bairro de Hell’s Kitchen, em Nova York, Matt Murdock perde a visão ainda criança devido a um acidente com uma substância radioativa, que, em contrapartida, aguça seus outros sentidos. Com uma máscara, ele se vale dos novos poderes para vingar a morte do pai e lutar contra a injustiça na cidade.

Na série, que tem episódios de uma hora, o papel é interpretado pelo britânico Charlie Cox (“Stardust”). Antes disso, em 2003, o super-herói chegou a ser levado ao cinema na pele de Ben Affleck. A adaptação, no entanto, foi um fiasco.