Preocupação mundial: virologista fala sobre possibilidade de reinfecção por novo coronavírus

Por BandNews FM

A possibilidade de reinfecção pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2) preocupa autoridades sanitárias do mundo todo. Na Coreia do Sul, por exemplo, estão sendo investigadas 100 pessoas com a suspeita de terem contraído o vírus novamente.

No entanto, segundo o virologista e pesquisador da Universidade Federal da Bahia, Gúbio Soares, não há nenhum indício que aponte para a hipótese de reinfecção. Em entrevista à rádio BandNews FM, o professor explicou que, na verdade, pode ser que o paciente não tenha se recuperado totalmente.

Veja também:
São Paulo fará testagem em massa contra coronavírus
Senado deve votar ampliação de auxílio emergencial nesta segunda

Por isso, o pesquisador da UFBA aconselha que, mesmo depois de receber alta hospitalar, o paciente siga em isolamento social por mais 10 dias. O professor também ressalta que diversos testes inadequados para diagnosticar a covid-19 estão sendo utilizados em meio à emergência sanitária.

Segundo Soares, isso pode acabar causando a falsa impressão de que uma pessoa voltou a contrair a doença. O virologista ainda destaca que existe a possibilidade de proliferação do vírus através das fezes humanas.

Soares defende que as autoridades brasileiras realizem um estudo neste sentido, o que poderia evitar o aumento das infecções. O pesquisador da Universidade Federal da Bahia também lembra que a reinfecção só acontece em caso de mutação, e que não existe nenhuma prova de que isso tenha acontecido com o coronavírus desde o início da pandemia.

Loading...
Revisa el siguiente artículo