Coronavírus: IML vai alugar contêineres para armazenar corpos

Por Lucas Jozino - BandNews FM com Metro World News

O IML (Instituto Médico-Legal) vai alugar cerca de 15 contêineres para armazenar temporariamente corpos de vítimas do coronavírus em São Paulo. Cada um pode armazenar pelo menos 200 corpos.

A previsão é de um aumento significativo do número de mortos e os postos do IML não vão ter vagas. Os contêineres serão alugados para suprir essa possível necessidade.

Veja também:
Testes rápidos têm até 75% de chance de erro em resultados negativos
Ministro da Saúde sugere uso de máscara de pano

A negociação está em fase avançada e para ser concretizada depende apenas de trâmites burocráticos. A princípio, a ideia é deixar um contêiner no IML central, outro no IML leste, em Artur Alvim, um em Santo André, no ABC, um em Campinas, no interior, e outro em Santos, na Baixada.

Os outros serão levados para Osasco e as cidades de Americana e Araçatuba, entre outras do interior que ainda serão definidas.

Carros funerários

Nesta quarta-feira (2), a prefeitura publicou no Diário Oficial informações sobre um contrato emergencial para adquirir 20 carros funerários. Eles irão reforçar os trabalhos durante a pandemia de coronavírus.

Os veículos seminovos serão adaptados para o transporte de corpos e serão operados pelo Serviço Funerário Municipal. O serviço funcionará para enterros, viagens e remoções, 24 horas.

Loading...
Revisa el siguiente artículo