logo
Colunistas 28/04/2021

O que esperar do Capitão América negro?

A surpresa ao final de Falcão e o Soldado Invernal não foi uma cena pós-créditos, como é praxe no Universo Marvel das telas. A surpresa foi a revelação de que a Disney fará um novo filme do Capitão América – agora com Anthony Mackie no papel do protagonista, com a aposentadoria de Steve Rogers, o personagem interpretado por Chris Evans.

Mesmo que ainda não exista qualquer detalhe sobre a trama de Capitão América 4, o final de Falcão e o Soldado Invernal e o histórico recente dos quadrinhos já dão a entender que a repercussão na mídia e a opinião pública devem ter importância na história. Embora o último episódio tenha mostrado algumas pessoas celebrando o triunfo de Sam Wilson, a reação dos conservadores pode ganhar espaço – a ideia é que a chegada de um Capitão América negro não seja unanimidade política.

Diferentemente do que aconteceu na série, com Sam atuando majoritariamente longe dos olhos da imprensa, Capitão América 4 se beneficiaria ao mostrar Sam enfrentando não só inimigos saídos das HQs, mas também críticas públicas sobre seus métodos, assim como em Sam Wilson: Capitão América, gibi escrito por Nick Spencer. A partir do momento em que adere a um fato potencialmente controverso do ponto de vista político, isso pode ser aproveitado para criar novos conflitos no futuro do Universo Marvel.

FRASE DA SEMANA

“Eu descobri literalmente ontem no mercado. Estou animado para ver o que acontecerá, mas não
fiquei sabendo de nada”

Anthony Mackie conta que não sabia que Capitão América 4
seria anunciado pela Marvel

NERDÔMETRO

Sobe

Mortal Kombat – Com 3,8 milhões de visualizações no primeiro

dia, o filme se tornou a maior estreia da HBO Max nos EUA, batendo

Godzilla vs Kong

Desce

Oscar 2021 – Abaixo dos 10 milhões de espectadores, a cerimônia

neste ano teve a pior audiência da sua história