Zack Snyder detalha sua saída de Liga da Justiça em 2017

Por Omelete

O cineasta Zack Snyder deu mais detalhes sobre sua saída de Liga da Justiça, em 2017. Na época, o diretor tinha perdido sua filha, que cometeu suicídio, e deixou o projeto para cuidar de sua família.

“Eu estava simplesmente cansado. Estava neste lugar de [saber] que minha família precisava mais de mim do que essa besteira, e eu precisava honrá-los e fazer o melhor possível para curar aquele mundo. Eu não tinha energia para lutar contra [o estúdio] e lutar [pelo filme]. Literalmente, zero energia para isso. Acho que isso foi o principal. Acho que há um mundo diferente em que eu fiquei e tentei”, disse.

Se dizendo totalmente sem força, o diretor completou: ”Eu simplesmente não tive [a energia]. Não havia luta em mim. Eu já tinha sido espancado pelo que estava acontecendo na minha vida e eu não queria, não me importava… foi mais ou menos assim.”

Com a saída de Snyder na época, o projeto do longa foi assumido por Joss Whedon, que finalizou a versão que foi para os cinemas. No entanto, os fãs de Snyder continuaram pedindo por sua versão, que teve o lançamento anunciado em 2020 e será lançado agora em março, com 4 horas de duração no serviço de streaming HBO Max, sem previsão de lançamento no Brasil.

FRASE DA SEMANA

“Não consigo fazer isso de novo. Fui sortudo de ter sobrevivido à Borat 2”

Sacha Baron Cohen anuncia que este será seu último filme disfarçado

NERDÔMETRO

Sobe

Bacurau – Longa de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles está na lista dos indicados ao prêmio de Melhor Filme Estrangeiro no Spirit Awards, o Oscar do cinema independente

Desce

Cinema com Covid – Um Lugar Silencioso 2, The King’s Man, Morbius, Uncharted, Last Night in Soho e 007 – Sem Tempo Para Morrer foram adiados para o segundo semestre ou 2022.

Loading...
Revisa el siguiente artículo