Colunistas

Temporada de arraiás pela cidade

Junho começa a bater à porta e traz uma seleção de festas juninas que caminham entre o tradicionalismo mineiro e a modernidade contemporânea que o nosso povo tanto gosta.

Pensando nisso, a Belotur criou uma programação para não deixar ninguém de fora do arrasta-pé. Tanto que a ideia para 2017 é oferecer a Belo Horizonte, o maior arraial de sua história. Você duvida? Claro que não, principalmente depois dos números astronômicos que colocaram o nosso Carnaval no patamar dos maiores do país.

Para se ter uma ideia, até o momento, foram cadastradas 158 festas, sendo 143 públicas. A ideia do cadastro das festanças – que invadirão BH de 9 de junho a 9 de julho – surgiu para mapear e divulgar os arraiais que serão realizados por toda a cidade.

Para quem não cadastrou sua festa, a prefeitura prorrogou o prazo de inscrição, que, agora, vai até o próximo dia 6 pelo e-mail: arraial.belotur@pbh.gov.br.

Baladas juninas

E para abrir as porteiras, já no próximo dia 3 (sábado), tradicionais festas darão o tom de partida para a temporada junina.

O Arraiá do Pic Pampulha, tradicionalmente, abre as celebrações juninas na capital e, este ano, traz como atração principal a dupla sertaneja César Menotti & Fabiano – além do sempre muito elogiado open bar/food.

Outra opção bem legal (e não menos tradicional) é o arraial assinado por Mariângela Lima e a #Secreto, da turma de empresários Pedro Lobo, Ricardo Laudares e Leo Ziller. A festa desembarca no Hangar 677, no bairro Olhos D’agua, a partir das 22h – e vem com a promessa de uma grande produção.

Que tal? Já podemos nos programar para arrastar o pé por toda BH, não é mesmo?

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos