Colunistas

Atração fatal

Rose1 rose-guglielminetti colunistaTrês partidos têm exercido uma certa atração fatal para os vereadores que estão sem partido. São eles: O PSB, o PMDB e o PSD. Os parlamentares, que aproveitaram a janela permitida pela emenda constitucional de deixar a legenda sem risco de perder o mandato, estão levantando os prós e contra para definirem para onde vão. O PSB tem como atrativo principal a figura do prefeito Jonas Donizette, candidato à reeleição, do partido. Já o PSD e o PMDB têm sido observados com atenção devido ao fato de ser uma boa legenda para políticos já conhecidos, aumentando as chances de reeleição. O tabuleiro já está posto, mas nos bastidores, o que se comenta é que a maioria dos sem legenda vão para o PSB. Eles negam. Terão de decidir o futuro político nos próximos dias os vereadores Vinicius Gratti, Neusa do São João, Luiz Yabiku e  Zé Carlos.

Assalto

O assalto à empresa de transporte de valores que levou pânico à população do bairro do São Bernardo ontem (Leia na Página 03) rendeu muito além de notícias no rádio e TV ao longo de todo o dia em Campinas.  Rápidos, políticos tentaram fortalecer sua imagem junto a redutos eleitorais ou abrir novos espaços. O presidente da Câmara, Rafael Zimbaldi (PP), por exemplo, redigiu requerimento com indicação ao prefeito, para que o Executivo aproveite a revisão da Luos (Lei de Uso e Ocupação do Sol) e restrinja esse tipo de empresa em áreas industriais. O vereador Vinicius Gratti (Sem Partido) foi à tribuna para pedir a retirada da empresa do bairro, no que foi endossado pelo vereador Jota Silva (PSB). O próprio prefeito, Jonas Donizette (PSB) chegou a gravar um video para tratar do assunto. Disse que se solidarizava com a população e garantiu ter acionado a cúpula da Secretaria Estadual de Segurança Pública para cobrar providências e maior segurança.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos