logo

Com estreia agendada para 28 de abril, a quarta temporada de ‘The Handmaid’s Tale’ vai mostrar June como inimiga número 1 em Gilead. Duas personagens importantes têm seus destinos revelados. Saiba quem são elas!

A Hulu divulgou nos últimos dias mais dois teasers da quarta temporada de ‘The Handmaid’s Tale’, que tem estreia agendada para 28 de abril. O teaser anterior mostrou um possível destino para a filha de June, Hannah. Mas agora, outras duas personagens importantes da trama têm seus destinos introduzidos para a próxima temporada: Rita, a marta que sempre esteve ao lado de June, e Serena Joy.

ATENÇÃO: A partir deste ponto, este artigo contém spoilers.

Podemos ver Rita (Amanda Brugel) abrindo uma imagem de ultrassom na frente de Serena Joy (Yvonne Strahovski), que acaricia a sua barriga. Tudo indica que ela está grávida. “Até que descobri que fazer parte da resistência”, diz Rita, indicando que ela será parte fundamental da luta de June.

Em entrevista à Bazaar, a atriz Amanda Brugel falou sobre o destino de Rita. “Eu não sabia que ela ia escapar até que recebi o roteiro, cerca de quatro dias antes de começarmos a filmar e não tinha ideia de qual era a participação dela na resistência”, explica a atriz sobre o roteiro da quarta temporada. “Tive que fazer uma pesquisa muito rápida para ver o que acontece com as pessoas quando são tiradas de uma situação horrível e trazidas de volta (à normalidade). Precisei aprender sobre a sensação de choque, de alívio e de alegria”. 

Como terminou a terceira temporada

Para quem não lembra, a terceira temporada terminou quando June (Elisabeth Moss) foi baleada durante uma revolta de Marthas e Aias. Como líder da revolução, ela conseguiu contrabandear mais de 100 crianças de Gilead para o Canadá. Mas ela leva um tiro e é socorrida por outras Aias. Ao deixar a região metropolitana de Boston pela primeira vez após uma revolta, June e suas companheiras fogem para além dos muros do estado totalitário que serviu como pano de fundo principal da série distópica.

É também no final da terceira temporada, que Serena Joy (Yvonne Strahovski) é finalmente presa por seus crimes. Um acerto de contas que demorou muito para chegar na série e muito aguardado pelos fãs da heroína June. Em entrevista, a atriz Yvonne Strahovski disse: “Eu não sinto pena dela (de sua personagem). Acho que ela merece exatamente onde ela está”, disse a atriz.

Serena é uma das mulheres que acreditava muito em Gileade. Em uma das muitas cenas brutais de ‘The Handmaid’s Tale’, Serena ajudou Fred a agredir sexualmente June. Portanto, faz todo o sentido que Yvonne Strahovski não tenha simpatia por ela. Na verdade, Strahovski diz que Serena realmente recebeu seu castigo.

Leia mais sobre séries e filmes:

O trailer da quarta temporada dá a entender que June Osborne será considerada “inimiga pública nº 1” em Gilead e a guerra está longe de terminar. June continua batalhando para salvar, agora, as mulheres de Gilead, enquanto planeja minar a estrutura governamental e finalmente mudar a sociedade. Encontros e confrontos há muito tempo aguardados pelos fãs devem acontecer nesta temporada, assim como também uma jornada cheia de preocupações para June, ao mesmo tempo que ela busca a liberdade.

Em entrevista ao site Deadline, Elisabeth Moss definiu a próxima temporada como grandiosa. “Devo dizer que a primeira metade desta temporada é definitivamente maior do que tudo o que já fizemos. Tem sido incrivelmente desafiador. Você vai assistir e pensar ‘algo está indo de um certo jeito no episódio 1’, para então você vai ter uma drástica mudança no episódio 2”, disse Moss. “Então, você terá que mudar novamente suas previsões no episódio 3, e assim você nunca será capaz de descobrir para onde o roteiro está te levando”, finaliza.