logo

O segundo filho do casal é uma menina e deve nascer durante o verão no Hemisfério Norte, de junho a setembro, deste ano. Meghan planeja um parto natural e em casa.

A revista britânica Vanity Fair nesta quinta, 1, publicou, com base em fontes próximas ao casal, que após o nascimento do segundo filho, o Duque e a Duquesa de Sussex devem “tirar uma licença” e passar “um tempo adequado juntos em família”. 

A revista garantiu que fontes próximas ao casal real asseguram que os dois planejam “tirar uma folga adequada” após o nascimento do segundo filho. Porém, não se sabe de quantos meses será essa licença e nem onde eles estarão, se fora ou na mansão onde vivem na Califórnia, nos Estados Unidos. “Será verão e eles querem ter certeza de que os dois vão tirar licença dos seus compromissos, para que tenham um tempo de qualidade juntos assim que o bebê chegar”.

O parto

Archie Harrison Mountbatten-Windsor, o primogênito, tem 1 ano. Ele nasceu em 16 de maio de 2019 e está próximo de completar 2 anos. Na época da gravidez, Meghan tinha planos de dar à luz Archie em Frogmore Cottage, uma mansão situada nos jardins do palácio de Frogmore House, que por sua vez está situada nos jardins do Castelo de Windsor. Os planos da Duquesa incluíam um parto humanizado, acompanhado por uma equipe feminina de parteiras.

Mas seus sonhos de um parto em casa foram frustrados quando ela foi forçada a ir ao Hospital particular de Portland em Londres para fazer o parto do bebê. Uma fonte disse à Page Six que Meghan está determinada a ter seu segundo filho em casa, sem a necessidade de ir a um hospital. “O plano de Meghan era dar à luz em casa com Archie, mas você sabe o que dizem sobre os planos mais bem elaborados”, disse uma fonte. “No final, seus médicos a aconselharam a ir ao hospital e ela só estava interessada em dar à luz Archie com segurança”, disse a fonte.

Leia mais sobre a realeza britânica:

Em 14 de fevereiro, os dois divulgaram que seriam pais novamente. Através do perfil no Instagram da fotógrafa oficial do casal, que também é amiga de Meghan, foi anunciada a espera do bebê real, que deve ser o primeiro membro da realeza a nascer nos Estados Unidos. “Podemos confirmar que Archie será um irmão mais velho. O duque e a duquesa de Sussex estão muito felizes por esperar seu segundo filho”, disse um porta-voz do casal.

O anúncio da gravidez veio acompanhado de uma foto feita pela fotógrafa britânica Misan Harriman. O ensaio foi feito de forma remota e a fotógrafa postou na sua conta do Instagram os clientes reais em uma cena bastante romântica. Meghan aparece vestida de Carolina Herrera, enquanto Harry acaricia a sua barriga.

Em julho do ano passado, Meghan sofreu um aborto espontâneo e escreveu um artigo, publicado pelo ‘The New York Times’, contando sua perda gestacional. “Eu caí no chão com ele nos meus braços, cantarolando uma canção de ninar para nos manter calmos, uma melodia alegre em forte contraste com a minha sensação de que algo não estava certo. Eu sabia, enquanto segurava meu primeiro filho, que estava perdendo meu segundo”, escreveu a duquesa.

Durante a entrevista de Harry e Meghan à apresentadora norte-americana Oprah Winfrey, veiculada no início de março, os dois anunciaram o sexo do bebê. “É uma menina!” disse Harry. 

O anúncio do bebê real e a homenagem à Lady Di

Harry e Meghan escolheram o dia 14 de fevereiro, Dia de São Valentim, para anunciar a chegada do segundo filho. A mesma data foi escolhida por Lady Di para anunciar que estava grávida de Harry.

Na época do anúncio, a Princesa de Gales estava com dois meses de gestação e o Príncipe Harry nasceu em 15 de setembro de 1984.